Temer anuncia criação do Big Brother Cristiane Brasil

22jan2018_12h37

PROJABURU – O governo federal convocou uma coletiva de imprensa, hoje pela manhã, no salão onde ocorreria a nonagésima tentativa de posse de Cristiane Brasil para o cargo de ministra do Trabalho. O objetivo era dar uso às cadeiras vazias, além de anunciar a estreia do primeiro programa de governo em que a propina vai ser paga em estalecas.

“Vai se chamar Big Brother Cristiane Brasil”, explicou o marqueteiro e apresentador Elsinho Mouco, o Tiago Leifert do Planalto. “É igual ao BBB, só que aqui o participante já começa eliminado.” Mouco explicou que a atração será ganha por quem conseguir reverter todas as liminares expedidas pelo Poder Judiciário, até finalmente assumir o ministério do Trabalho. “Ou por quem conseguir um Habeas Corpus do Gilmar Mendes, embora esse seja um caminho bem mais fácil.”

Na atração, o postulante ao cargo passa o dia num gabinete cenográfico, fazendo nomeações, enquanto Roberto Jefferson permanece nos bastidores, chantageando o governo federal. “E como é tudo cenográfico, os brothers vão dar e receber quantas malas de dinheiro quiserem, que isso não vai impactar no caixa do Planalto”, explicou Mouco. “É um conceito novo, de roubo sustentável.”

Arquivo
  • 2020
  • 2019
  • 2018
  • 2017
  • 2016
  • 2015
  • 2014
  • 2013
  • 2012
  • 2011
  • 2010
  • 2009
O The piauí Herald não é uma seção noticiosa, mas exclusivamente de humor, com sátiras da realidade política do Brasil.