história pessoal

O senhor Licitra

Meu pai deixou o país como exilado político, mas também escolheu me abandonar

Josefina Licitra
“Lembro-me de duas coisas”, disse minha mãe. “Que, no dia seguinte à partida dele, você parou de fazer xixi na cama. E que o seu temperamento mudou. Antes você era uma menina alegre”
“Lembro-me de duas coisas”, disse minha mãe. “Que, no dia seguinte à partida dele, você parou de fazer xixi na cama. E que o seu temperamento mudou. Antes você era uma menina alegre” ILUSTRAÇÃO: PEDRO FRANZ_2017

Acabo de receber um e-mail de Juan Cruz Ruiz, um dos fundadores do jornal espanhol El País. Há alguns anos, Juan Cruz organizou um livro de entrevistas com escritores no qual teve a gentileza de me incluir, e desde então trocamos mensagens esporádicas. Mas este e-mail não trata – como tantos outros – de temas editoriais. O assunto é “Seu pai”, e diz o seguinte: “Tomando o café da manhã em Pozuelo, fui cumprimentado por uma senhora. E em seguida, por um senhor. O senhor Licitra! Seu pai tem um belo sorriso. Beijos!”

Pozuelo é um município nos arredores de Madri, cidade onde meu pai mora desde que deixou a Argentina, como exilado político, em 1978. A senhora mencionada é a mulher do meu pai. Os dois conhecem Juan Cruz pelos textos do jornal; certamente foram eles que o abordaram.

MATÉRIA FECHADA PARA ASSINANTES

Josefina Licitra

Josefina Licitra, jornalista argentina, é autora de El Agua Mala: Crónica de Epecuén y las Casas Hundidas, da editora Aguilar

Leia também

Últimas Mais Lidas

Virada eleitoral: missão (im)possível?

Só uma em cada quatro disputas de segundo turno teve reviravolta em relação ao primeiro nas últimas seis eleições municipais

Parente é serpente, visse!

Disputa ferrenha no Recife expõe influência da viúva de Eduardo Campos na campanha do filho João; aliança pró-Marília Arraes reúne de Lula a figuras próximas do bolsonarismo

A morte de um cinema de rua

Empresário que administrou por dez anos o Cine Joia, em Copacabana, relata crise que levou o cinema a fechar as portas após oito meses de pandemia

Assassinato no supermercado

Inépcia e inoperância do governo federal desautorizam expectativas favoráveis em qualquer frente - inclusive no audiovisual

Derrota por correspondência

Filho de imigrantes brasileiros, gay e conservador, o republicano George Santos já se considerava eleito deputado federal por Nova York – até chegarem os votos retardatários pelos correios

O novo Tio Sam e o Brasil

Biden terá que reatar tratados e rever estratégia de acordos bilaterais; guerra comercial é desastre para exportações brasileiras

Foro de Teresina ao vivo no segundo turno

Saiba como acompanhar a transmissão

PT reelege, mas não renova

Se não fosse pelos prefeitos com mandato renovado, partido de Lula definharia ainda mais; siglas de direita como o Democratas avançam sobre adversários

Mais textos
3

Sarney decide encerrar a carreira

BRASILIA - Em entrevista ao Fantástico de ontem, o senador José Sarney anunciou que abandonará a política. "Eu queria continuar, mas não consigo. Penso na nomeação de uma prima de terceiro grau, mas não executo como quero. Tá na hora. Mas foi lindo pra caramba, " disse, emocionado, a Patrícia Poeta.

4

The BolsozApp Herald

A rede social mais patriótica do Brasil

5

Lula e o eleitor do agreste

Trabalhadores rurais de Alagoas entendem que ele se envolveu com corrupção, mas não deve ser punido diante da “lama geral”

6

Ele e eu – Dziga Vertov em apuros

Biografia de cineasta russo lembra relação estreita entre arte e resistência

7

Um esporte individual

Já nos acréscimos, o São Paulo perdia por dois a um e Ganso bateu uma dessas faltas que viraram moda: levantada na área, a bola passou por todo mundo, o goleiro ficou com aquela cara de qualé, e pronto. Barbante e jogo empatado. Mas que nada: quando a bola ultrapassava a linha, o centroavante Aloísio, certamente para somar um golzinho a mais na artilharia, empurrou-a pra dentro com a mão.

8

Revoltada, Nana Gouvêa sensualiza de biquini preto

EGO - Super inn na tendência new revolt iniciada por Susana Vieira e seguida pela família de Carla Perez, Nana Gouvêa realizou um ensaio sensual vestindo apenas um biquininho preto. "Como sou uma modelo e manequim à frente do meu tempo, resolvi ir além: sensualizei com peças de roupa que expressam metaforicamente o tamanho da decência que restou ao STF", explicou Nana, professoral.

9

PT e aliados preparam campanha Lula-2022

Solto, ex-presidente vai percorrer o país e comandar oposição a Bolsonaro

10

Documentos vazados revelam que governo brasileiro é um tédio

BRASÍLIA - O vazamento dos telegramas diplomáticos americanos pelo site WikiLeaks vem causando grande constrangimento ao governo brasileiro. Uma fonte ligada ao Itamaraty revelou que cada nova revelação aumenta o sentimento de desconforto do Palácio do Planalto em relação à condução da política externa brasileira.