Ver dados da foto ILUSTRAÇÃO: ANGELI_1991

Uma coisa de pele

Convivendo com a psoríase
Leandro Sarmatz
Tamanho da letra
A- A+ A
ILUSTRAÇÃO: ANGELI_1991

Exclusivo para assinantes.
Não assinante: leia na revista impressa ou no aplicativo

“Sou um homem doente…”

Claro que adoraria começar com uma abertura digna do Dostoiévski de Memórias do Subsolo. Mas não é para tanto. Padeço de um mal que talvez não me afunde no pântano da metafísica e da moralidade – São Petersburgo foi construída sobre um pântano real, aliás. É tudo um pouco mais leve, bem menos eslavo e com implicações mais brandas. Algo mais epidérmico, enfim.

O fato é que de tempos em tempos minha pele começa a descascar, o couro cabeludo despeja sobre meus ombros uma infinidade de floquinhos brancos (minha neve própria), os cotovelos ganham uma cor avermelhada, consistência rugosa e temperatura meio úmida, manchas com formatos variados – desenhos que talvez lembrem mapas de bacias hidrográficas – ocupam extensões do meu corpo, as pernas de alguém que praticou jogging em Chernobil. Tenho psoríase, uma doença autoimune.

SÓ PARA ASSINANTES.

Os direitos autorais de todo o material apresentado neste site, inclusive imagens, logotipos, fotografias e podcasts, são de propriedade da revista piauí ou de seu criador original. A reprodução, adaptação, modificação ou utilização do conteúdo aqui disponibilizado, parcial ou integralmente, é expressamente proibida sem a permissão prévia da revista ou do titular dos direitos autorais.

ASSINANTE PIAUÍ

Use o mesmo e-mail e senha cadastrados no site da Ed. Abril no ato da assinatura. Esqueceu a senha ou o e-mail ?