maratona

Tasso Azevedo falará sobre mudanças climáticas

O engenheiro florestal discutirá a contribuição do Brasil para o aquecimento global e novas tecnologias para o monitoramento ambiental

23mar2018_15h11
FOTO: ACERVO PESSOAL
FOTO: ACERVO PESSOAL

A mudança do clima estará no centro da conversa com o engenheiro florestal Tasso Azevedo durante a Maratona Piauí Serrapilheira. Azevedo é coordenador de uma iniciativa que calcula anualmente as emissões brasileiras dos gases do efeito estufa, causadores do aquecimento global. Criado pelo Observatório do Clima, uma coalizão de organizações não governamentais, o projeto propõe divulgar seus resultados de maneira transparente, em paralelo ao cálculo feito pelo governo.

Azevedo coordena também o MapBiomas, um projeto que monitora de forma independente o desmatamento em todos os biomas do Brasil. Com o suporte de ferramentas do Google, a iniciativa reúne uma rede colaborativa de especialistas de diferentes áreas que usam imagens de satélite para gerar mapas de cobertura vegetal e uso da terra em todo o país.

O engenheiro florestal entende de desmatamento como poucos no país. Foi fundador e diretor executivo do Instituto de Manejo e Certificação Florestal e Agrícola, diretor-geral do Serviço Florestal Brasileiro, arquiteto do Fundo Amazônia e um dos coordenadores do Plano de Ação para Prevenção e Controle do Desmatamento na Amazônia Legal.

Tasso Azevedo é consultor e empreendedor social em sustentabilidade, floresta e clima e assina colunas no jornal O Globo e na revista Época Negócios.

Conheça mais sobre trabalho do pesquisador nesta que é a primeira edição da Maratona Piauí Serrapilheira.

Assinantes piauí, associados ao Instituto Serrapilheira, bolsistas de centros de pesquisa, estudantes e professores pagam meia-entrada.

O ingresso inclui almoço e pode ser parcelados em até 10 vezes no cartão de crédito.

Leia Também

Relacionadas Últimas

Douglas Galante investiga se pode haver vida fora da Terra

Paulistano é chefe da 'Garatéa', primeira missão brasileira à Lua

A falta de água é o alvo do trabalho de Marcia Barbosa

Pesquisadora gaúcha vem falar sobre as possíveis aplicações de seu estudo e sobre a desigualdade de gênero na ciência

Adriana Alves estuda os vulcões extintos no Brasil

A geóloga falará sobre como a atividade vulcânica pode ter afetado o clima global e as formas de vida em nosso território

Antonio Coutinho encerra a programação de encontros entre jornalistas e cientistas

O médico imunologista é um dos cientistas portugueses com maior número de citações na literatura científica

Acompanhe a transmissão ao vivo da segunda Maratona Piauí CBN de Podcast

Encontro está sendo transmitido em áudio e em vídeo nos sites e redes sociais da piauí e da CBN

A história e os bastidores do Foro de Teresina

Apresentadores relembram início do programa, que completa um ano esta semana

Conteúdo patrocinado e anunciantes estão entre os principais modelos de financiamento

Diretor da CBN diz que programas em áudio são caminho para formar novos ouvintes

Interação com o público ajuda a ganhar e manter audiência

Fidelidade de ouvintes pode se transformar em financiamento coletivo e ajudar a manter podcasts

Os desafios e a rotina de contar histórias em podcast

Roteiro capaz de amarrar narrativas é segredo para um bom programa; dificuldade de financiamento é cotidiana

Mais textos
3

O algoritmo da ágora

A política dos extremos no YouTube

4

Prejuízo em cacho

Petrobras enterra centenas de milhões de reais em projeto de  biocombustível a partir do dendê – que não produziu nem um litro de óleo

5

Como o dinheiro desviado de Angola veio parar na Paraíba 

Inquérito da PF obtido pela Pública acusa político próximo do ex-presidente angolano José  Eduardo dos Santos e sua filha Isabel dos Santos de lavar dinheiro de corrupção no Nordeste

6

A epidemia de doença mental

Por que cresce assombrosamente o número de pessoas com transtornos mentais e de pacientes tratados com antidepressivos e outros medicamentos psicoativos

7

O império de Isabel

Como a filha do ex-presidente de Angola aproveitou o poder político do pai para, com empresas de fachada e informações privilegiadas, se tornar a mulher mais rica da África

8

O herdeiro

Um filho não reconhecido de Bruno Caloi e uma dívida de 350 milhões de reais

9

Foro de Teresina #85: A política de Moro, os negócios de Wajngarten e o nazismo na Cultura

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana