rádio piauí

Os menó vai à praia

Ouça o conto Rolézim, de Geovani Martins, na voz do próprio autor

08fev2018_12h56
O escritor carioca Geovani Martins, de 26 anos
O escritor carioca Geovani Martins, de 26 anos FOTO: DIVULGAÇÃO

O carioca Geovani Martins lança em março seu primeiro livro, O Sol na Cabeça. O volume, que sairá pela Companhia das Letras, reúne treze contos de viés realista. A maioria é protagonizada por crianças ou jovens e se passa em favelas do Rio de Janeiro – universo que o escritor de 26 anos conhece bem. Filho de um motorista e uma cozinheira, Martins nasceu no bairro de Bangu, cresceu na comunidade da Rocinha e hoje mora no Morro do Vidigal. O interesse precoce por literatura o fez arriscar-se como letrista, poeta e cronista durante a adolescência e no início da juventude. Em 2015, quando ainda trabalhava de garçom, decidiu apostar tudo na carreira de ficcionista. Largou o emprego e, vivendo com muito pouco, tentou escrever um romance. Não conseguiu. Os catorze meses de esforço, porém, resultaram em boa parte dos textos que compõem O Sol na Cabeça.

A piauí de fevereiro publica com exclusividade o conto que abre o livro, Rolézim. A trama gira em torno de cinco adolescentes que resolvem ir à praia num dia escaldante. É o próprio escritor quem lê a história na gravação acima.

mais rádio piauí

Últimas Mais Lidas

Maria vai com as outras #4: Profissão família

A jornalista Leticia Nascimento, o radialista Paulinho Coruja e a atriz Vanessa Lóes contam...

#8: Revolução mexicana, as últimas pesquisas no Brasil, e Dilma x Aécio, o retorno

O podcast de política da piauí debate a primeira vitória eleitoral de um presidente...

Tudo o que você não quer e não precisa saber sobre a Copa #4

O podcast que já devolveu as chaves do hotel

Maria vai com as outras #3: Mulheres no esporte

Cynthia Martins, jornalista esportiva, e Isadora Cerullo, jogadora da seleção brasileira de rugby, falam...

Foro de Teresina #7: Racha no Supremo, o namoro de Bolsonaro e o junho sem fim

O podcast de política da piauí debate as divergências internas do STF, o flerte...

Tudo o que você não quer e não precisa saber sobre a Copa #3

O podcast que transforma água em vinagre

Foro de Teresina #6: O aborto na eleição, os paradoxos de Marina e a absolvição de Gleisi

O podcast de política da piauí debate o impacto da descriminalização do aborto na...

Tudo o que você não quer e não precisa saber sobre a Copa #2

Em seu segundo episódio, o podcast que não tem compromisso com a eternidade debate...

Tudo o que você não quer e não precisa saber sobre a Copa #1

O podcast que não vai falar sobre o quinto metatarso do Neymar

Maria vai com as outras #2: Mulheres na ciência

Ana Carolina Carnaval, bióloga e professora universitária, e Luize D’Urso, medalhista em olimpíadas de...

Mais textos
2

A revolta dos trolls, e a vingança na Justiça

Alvos nas mídias sociais, jornalistas contra-atacam com processos, denúncias ao Ministério Público e conversa com empregadores dos haters

3

piauí estreia colunas diárias sobre as eleições

Nove cientistas políticos e jornalistas vão debater a campanha deste ano

4

Anthony Bourdain é uma festa

Com um apetite insaciável por culturas e cozinhas nativas, o chef se tornou um estadista itinerante

6

As Boas Maneiras – sinal de alerta

Filme de Marco Dutra e Juliana Rojas coloca em cena a improvável relação homossexual entre patroa e empregada para despistar o espectador de seu verdadeiro tema

7

Não foi você

Uma interpretação do bolsonarismo

8

Garrincha treinava, mas não ouvia o professor

Nilton Santos, Zezé e Aymoré Moreira recuperam as histórias do mais habilidoso – e o que menos se levava a sério – ponta-direita que o Brasil já viu

9

Dario, o órfão, ex-ladrão e ex-grosso que virou Dadá

O campeão mundial em 70 relembra o seu começo no futebol, do primeiro chute aos 19 anos ao técnico que percebeu nele, apesar dos tropeções, um goleador

10

Foro de Teresina #9: Comédia judicial, ponto para o PT e a bênção de Crivella

O podcast de política da piauí debate o prende e solta de Lula, os desdobramentos eleitorais do caso, e o favorecimento a evangélicos na prefeitura do Rio