o que publicamos

A semana no site da piauí

A incontinência verbal de Meirelles, a queima de produtos culturais na ditadura, os personagens de Stranger Things no universo do RPG e outras histórias

10nov2017_20h13
Na segunda temporada de <i>Stranger Things</i>, Mike Wheeler (interpretado por Finn Wolfhard) menciona o tipo de personagem que seus amigos seriam no jogo RPG. A <b>piauí</b> comenta quem seriam os outros personagens
Na segunda temporada de Stranger Things, Mike Wheeler (interpretado por Finn Wolfhard) menciona o tipo de personagem que seus amigos seriam no jogo RPG. A piauí comenta quem seriam os outros personagens FOTO: DIVULGAÇÃO

O ministro da Fazenda Henrique Meirelles dá sinais de que quer ser candidato – mas arrisca matar sua candidatura ao se expor demais. Como se acha um especialista no jogo político, Meirelles vem tomando iniciativas que mais parecem autossabotagem do que autopromoção. Somadas, sugerem afoiteza e isolamento em vez de força, escreve a repórter Malu Gaspar.

Na piauí_134, já nas bancas, Malu faz o perfil do ministro da fazenda. A matéria está disponível no site para assinantes. Para assinar a revista, clique aqui.

Documentos inéditos mostram como o aparato de censura do regime militar usou empresas privadas para queimar programas de tevê, filmes, discos e livros proibidos – de Silvio Santos a José de Alencar. A repórter Mariana Filgueiras conta essa história na reportagem A grande fogueira.

Era para ser banheiro público e virou centro turístico: no ensaio O edifício maldito, o arquiteto Francesco Perrotta-Bosch mostra por que o ‘prédio mais feio do Brasil’ é uma crítica à vida de aparências e um elogio à gaiatice. Para o ensaísta, o Rainha da Sucata, como é conhecido o edifício mineiro, desnuda o conservadorismo de quem se diz portador da boa arquitetura brasileira, e não aceitam grandes desvios na trajetória dos heróis modernos e de seus discípulos.

 

Quem é quem em Stranger Things? Na segunda temporada da série, Mike Wheeler menciona o tipo de personagem que seus amigos seriam no jogo RPG. Neste vídeo, Nathalie Lourenço tenta adivinhar quais seriam os outros personagens.Eduardo Escorel avalia Gabriel e a Montanha, filme de Felippe Barbosa em memória de Gabriel Buchmann, amigo de infância do diretor: “O desafio a vencer na filmagem não é apenas de resistência física e psicológica, superando altitudes, distâncias e condições de trabalho adversas. É também o de integrar homens comuns à reencenação e de conseguir harmonizar atores não-profissionais com profissionais, assim como eventos ocorridos com outros menos documentais.”

O crítico também resenha História de Taipei. Considerado um dos grandes filmes mais negligenciados da história do cinema, o  segundo longa-metragem do diretor chinês Edward Yang “não só é encenado e filmado com precisão milimétrica, como também estabelece um elo orgânico incomum entre o sentimento íntimo dos personagens e seu entorno”, segundo Escorel.

questões de traço e letra, por Dedé Laurentino:

Leia também

Últimas Mais Lidas

Vazamento de óleo avança, plano de controle patina

Manchas se aproximam dos corais de Abrolhos; especialistas cobram do governo federal transparência em uso de programa para conter derrames de óleo

Ascensão e queda de um ex-Van Gogh

Tela do Masp atribuída ao pintor holandês tem autoria revista e inspira debate sobre valor artístico

Um bicheiro no centro do poder

A rede de assassinatos, amizades e dinheiro que cerca Jamil Name no Mato Grosso do Sul

Seis conclusões sobre o modelo do mundo sem a Amazônia 

O preço que o Brasil e o mundo pagarão caso a floresta continue a ser derrubada para dar lugar à pecuária

O mundo sem a Amazônia

Modelo climático prevê efeitos da conversão da floresta em pasto: diminuição de 25% das chuvas no Brasil e aumento da temperatura, com prejuízo "catastrófico" para agricultura e produção de energia

Foro de Teresina #73: Autofagia no governo, crise na oposição e o óleo nas praias do Nordeste

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Domingo – um dia especial

Filme paga preço alto ao ser lançado agora, quando expectativa de “nova era” se mostrou ilusória

O novo Posto Ipiranga

Ex-capitão do Exército transformado em ministro da Infraestrutura cresce no Twitter e na agenda positiva do governo Bolsonaro 

Brasil mais longe da Europa

“Efeito Bolsonaro” afasta turistas europeus e prejudica negócios

Mais textos
1

Brasil mais longe da Europa

“Efeito Bolsonaro” afasta turistas europeus e prejudica negócios

2

Fala grossa e salto fino

As façanhas de Joice Hasselmann, do rádio ao Congresso

3

Um bicheiro no centro do poder

A rede de assassinatos, amizades e dinheiro que cerca Jamil Name no Mato Grosso do Sul

4

O mundo sem a Amazônia

Modelo climático prevê efeitos da conversão da floresta em pasto: diminuição de 25% das chuvas no Brasil e aumento da temperatura, com prejuízo "catastrófico" para agricultura e produção de energia

5

O novo Posto Ipiranga

Ex-capitão do Exército transformado em ministro da Infraestrutura cresce no Twitter e na agenda positiva do governo Bolsonaro 

7

Mitificação de Eduardo, demonização da esquerda

Em evento bolsonarista, filho do presidente e ministros apresentam rivais como mal radical, em sintoma da deterioração democrática no país

10

Letra preta

Os negros na imprensa brasileira