o que publicamos

A semana no site da piauí

O app que expõe a rotina de agentes de segurança no Brasil; os eleitores que não votam em Lula nem em Bolsonaro, a queda de popularidade do MBL no Facebook e outras histórias

02fev2018_21h19
Movimentação de usuários do aplicativo Strava na Penitenciária Federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte. onde está preso o traficante Fernandinho Beira-Mar
Movimentação de usuários do aplicativo Strava na Penitenciária Federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte. onde está preso o traficante Fernandinho Beira-Mar IMAGEM: REPRODUÇÃO_STRAVA

App de esportes expõe rotina de militares e agentes no Brasil: corridas e caminhadas registradas pelo Strava mapeiam a movimentação de agentes de segurança em fronteiras e em presídios de segurança máxima. O Brasil é o país com terceiro maior número de usuários do Strava, segundo a empresa – e não há nenhuma regulamentação para agentes de segurança sobre o uso dos aparelhos.

Quem não vota nem em Lula nem em Bolsonaro, em nenhuma circunstância, chega a 43% do eleitorado. O jornalista José Roberto de Toledo escreve sobre essa parcela dos votantes, que definem seus candidatos de última hora e costumam decidir a eleição.

Os engajamentos com a página de Facebook do MBL caíram a menos da metade entre março de 2016 e o início de 2018. Os números mostram a dificuldade do movimento para manter a capacidade de mobilizar seguidores, depois do impeachment de Dilma Rousseff.

O repórter Henrique Araújo reconstitui a vida e a morte de uma adolescente grávida assassinada sem motivo junto com outras sete jovens mulheres em na Chacina das Cajazeiras, no Ceará.



O crítico Eduardo Escorel resenha o documentário Visages VillagesIndicado ao Oscar deste ano, o filme de Agnès Varda e JR retrata a viagem da dupla pela França em um caminhão adaptado como cabine fotográfica. “Há filmes que deveriam ser saudados com fanfarras. São raros, mas existem. Visages Villages, documentário de Agnès Varda e JR, é, com certeza, um deles.”

A capa e os destaques da piauí de fevereiro, que começa a chegar às bancas na próxima semana.

 

Por @albertobenett

A post shared by revista piauí (@revistapiaui) on

Leia também

Últimas Mais Lidas

Praia dos Ossos: terceiro episódio já está disponível

Podcast original da Rádio Novelo é publicado aos sábados

Boi com endereço

Se atender à pressão dos exportadores sem criar regulação interna, mercado ameaça criar  dois tipos de consumidor: o que pode comer carne de áreas desmatadas ilegalmente e o que não pode

A amiga oculta da J&F

Empresa dos irmãos Batista não apresenta no acordo de leniência a Unifleisch S/A, representante da JBS na Europa e citada como suspeita de lavagem em documentos do Tesouro americano

Matemática da inclusão

Prêmios recebidos pelas duas únicas pesquisadoras do Impa destacam a importância da igualdade de gênero na disciplina

E se estivermos variolizados?

O uso disseminado de máscaras pode expor a população a quantidades minúsculas de Sars-CoV-2 e aumentar a proporção de casos assintomáticos de Covid-19?

Do Islã ao PCC

Como um jovem condenado por terrorismo depois de trocar mensagens na internet sobre atentados foi recrutado pela facção criminosa mais poderosa do país

No rastro das onças-pintadas

Expedição pelo Pantanal acompanha animais como forma de medir preservação do ambiente enquanto se prepara para entrar na zona de queimadas

Mais textos
2

Desenhando esquinas

Andrés Sandoval explica o processo por trás das ilustrações que adornam a piauí desde a primeira edição.

4

90

6

R$ 0,46 no tanque dos outros

Agora, caminhoneiros grevistas usam WhatsApp para defender queda da gasolina, de Temer e da democracia

9

Sardanapalo

Babilônios cabotinos contracenarão com garbosas falanges assírias?