questões urbanas

Parados na contramão

Cidades brasileiras rejeitam um debate urgente: cobrar de usuários de carros custo da infraestrutura pública e destinar recursos ao transporte coletivo

Uma agenda prioritária

Novos prefeitos e vereadores têm o desafio de implementar mudanças emergenciais nas cidades brasileiras, sobretudo nas áreas de maior vulnerabilidade social, onde tudo falta – como escancarou a pandemia

Não é só uma arena

Entregar complexo esportivo e ginásio do Ibirapuera à iniciativa privada é abrir mão do projeto de uma escola pública de educação esportiva

Brasil precisa de um SUS no transporte público

Ônibus e trens ficaram ainda mais cheios na pandemia; contágio entre os mais pobres escancara abismo social no país

O homem-viaduto

Sem-teto vive dentro de um buraco no elevado mais famoso de São Paulo; como o Minhocão, 73 pontes e viadutos têm problemas estruturais na cidade

Frankfurt, Salvador

Os percalços de uma mesma instalação – círculos de luz que iluminam o vazio – na Alemanha e no Brasil

A favela e sua hora

UPPs e investimentos em infraestrutura parecem ser o último prego no caixão dos antigos projetos de remoção das favelas em larga escala; sempre tidas como problemas sem solução, elas podem se converter em parte da solução para os problemas da cidade

Buraco, 118

Além da fachada, não sobrou pedra (de construção) sobre pedra (de crack) no sobrado da Cracolândia que tem 100 anos de história para contar

Vidas paralisadas

O que acontece com os milhares de motoboys que se estatelam todos os anos nas ruas de São Paulo

O estouro da boiada metálica

O Rio de Janeiro é a capital brasileira dos ônibus, e por isso mesmo está fugindo deles

Mais textos