Festival Piauí GloboNews de jornalismo

César Batiz e o jornalismo independente na Venezuela

César Batiz trabalha em dois veículos da mídia independente em seu país: a plataforma de dados Poderopedia e o canal online El Pitazo. Batiz conversou com a repórter Carol Pires e com Simon Romero, correspondente do New York Times.

01nov2016_13h34

César Batiz trabalha em dois veículos da mídia independente em seu país: a plataforma de dados Poderopedia e o canal online El Pitazo. Batiz conversou com a repórter Carol Pires e com Simon Romero, correspondente do New York Times.

Antes de integrar o Poderopedia e o El Pitazo, César Batiz coordenava a equipe de investigação do diário Últimas Noticias. Em 2015, os repórteres do jornal foram premiados por conseguir comprovar, através da recompilação de vídeos feitos pelo celular pelos próprios manifestantes, que homens da polícia do presidente Nicolás Maduro mataram um manifestante durante uma marcha estudantil em fevereiro de 2014. “Recebemos a notícia de que havia disparos, tiros e dois mortos. Os canais de tevê, no entanto, exibiam programas de variedades, um sobre casos amorosos, outro de culinária, enquanto pelo rádio recebíamos notícias do que estava acontecendo na rua”, lembrou Batiz. “Só que os venezuelanos adoram usar o Twitter. Começamos a receber vídeos e dados. Compilamos esse material e editamos um primeiro vídeo.” Com essas imagens eles montaram um grande quebra-cabeça que ajudou a população a tomar conhecimento do ocorrido e a contextualizar os eventos.

 

Veja também

César Batiz e o dia a dia de um cidadão na Venezuela

A íntegra da conversa



Leia Também

Últimas Mais Lidas

Jornalistas e divulgadores entrevistarão os pesquisadores convidados

Conheça os mediadores do evento que acontecerá dia 12 de maio, no Rio de Janeiro

Adriana Alves estuda os vulcões extintos no Brasil

A geóloga falará sobre como a atividade vulcânica pode ter afetado o clima global e as formas de vida em nosso território

Antonio Coutinho encerra a programação de encontros entre jornalistas e cientistas

O médico imunologista é um dos cientistas portugueses com maior número de citações na literatura científica

Tasso Azevedo falará sobre mudanças climáticas

O engenheiro florestal discutirá a contribuição do Brasil para o aquecimento global e novas tecnologias para o monitoramento ambiental

Douglas Galante investiga se pode haver vida fora da Terra

Paulistano é chefe da 'Garatéa', primeira missão brasileira à Lua

Mais textos