anais das redes

Ciro bate Haddad e Bolsonaro no Twitter durante debate na Globo

Em terceiro nas pesquisas, candidato do PDT liderou as menções na rede no embate de maior audiência entre os presidenciáveis

Marcella Ramos
05out2018_18h21
ILUSTRAÇÃO: PAULA CARDOSO

Durante o debate na Globo, o último antes do primeiro turno e o de maior audiência, o candidato mais citado no Twitter foi Ciro Gomes. Em terceiro lugar nas pesquisas de intenção de votos, o pedetista ficou à frente tanto de Fernando Haddad quanto de Jair Bolsonaro – que se ausentou do debate, mas teve entrevista transmitida na Record ao longo da primeira meia hora do embate entre os candidatos. Segundo levantamento da rede social, Ciro foi o mais mencionado, seguido de Bolsonaro. Guilherme Boulos, foi o terceiro presidenciável mais comentado da noite, atrás de Ciro e Bolsonaro. Haddad ficou em quarto lugar.   

Às 22 horas de quinta-feira, quando o debate começou, Bolsonaro liderava as citações na rede social e continuou assim até por volta das 22h40, depois que acabou sua entrevista na Record. A partir de então, Ciro Gomes, terceiro colocado nas pesquisas de intenção de votos, superou os rivais e passou a ser mais citado. Ausente do debate, o candidato do PSL foi lembrado com frequência pelos presidenciáveis. Após o término do embate entre os candidatos, o ex-capitão voltou ao topo das citações no Twitter, no início da madrugada, por volta das 2 horas.

O grupo que geralmente impulsiona a discussão sobre Ciro no Twitter – como se observa em levantamentos da Diretoria de Análise de Políticas Públicas da Fundação Getulio Vargas – é um que costuma se unir contra o candidato do PSL, dono da maior rejeição da disputa. Para parte desse grupo, o candidato do PDT seria a melhor opção contra Bolsonaro, porque ele não “polariza” com o adversário tanto quanto o candidato petista. Quando a rejeição de Haddad deu um salto de 11 pontos na pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira, 1º de outubro, o grupo voltou a mencionar Ciro como alternativa. Essa narrativa se intensificou até ele ser o mais comentado na rede social durante o debate, e se tornar o segundo presidenciável mais falado durante a última semana de campanha do primeiro turno, atrás apenas de Jair Bolsonaro.

O momento de popularidade de Ciro Gomes nas redes também pode ser notado em seu perfil no Facebook. A última semana da disputa presidencial é a melhor do candidato em termos de engajamento nessa rede. Ao todo, o pedetista teve 1,6 milhão de interações em sua página. Isso o coloca à frente de Haddad, por exemplo. Ele continua atrás do candidato do PSL, com mais de 11 milhões de interações. João Amoêdo, do Novo, também está à frente, com 3 milhões de interações. No Google Trends, a realidade desta semana é mais parecida com a das pesquisas de intenção de votos: Bolsonaro lidera, seguido de Haddad e Ciro. O ex-capitão, no entanto, é 5,5 vezes mais buscado que o candidato petista e 8,6 vezes mais buscado que o candidato do PDT.

 

Haddad entrou oficialmente na disputa há menos de um mês, quando foi registrado como o candidato do PT, em 11 de setembro. Não demorou para o petista assumir o segundo lugar nas pesquisas de intenção de votos. No entanto, nos debates presidenciais, Haddad não empolga tanto quem comenta as discussões no Twitter. O primeiro debate do qual participou foi o da TV Aparecida, em 21 de setembro. Desde então, participou de outros três, incluindo o da Globo. Em nenhum deles foi o mais comentado – ficou atrás de Cabo Daciolo, do Patriotas em dois deles, na Record e no SBT,  e de Ciro Gomes em outros dois, no da TV Aparecida e no da Globo.

Os responsáveis pelos momentos mais comentados do debate da Globo foram dois candidatos que variam entre não pontuar e 2% de intenções de voto: Guilherme Boulos, do PSOL, e Álvaro Dias, do Podemos. Dias foi atração no início do programa, quando gastou o tempo da pergunta comentando que estava “feliz” por conhecer o apresentador William Bonner, e que ia enviar um bilhete a Lula, preso em Curitiba, pois ele seria “o verdadeiro candidato do PT”. Outro momento que chamou a atenção no debate foi o discurso de Boulos contra a ditadura, numa troca com o candidato petista.

Marcella Ramos (siga @marcellamrrr no Twitter)

Repórter e coordenadora de checagem da piauí

Leia também

Últimas Mais Lidas

Foro de Teresina especial: aguarde

O programa, que contou com a participação da jornalista Maria Cristina Fernandes, foi gravado ao vivo durante o evento que reuniu os melhores podcasters do país

Entre gargalhadas, cotidiano e estratégia: os podcasts de humor

Linguagem politicamente incorreta e medo da repetição estão entre as preocupações dos realizadores 

Em podcasts jornalísticos, muito planejamento e pouco improviso

Produção diversificada e roteiro bem construído ajudam a resumir informação e análise

Um podcast pra chamar de seu: os temas de cada tribo

Futebol, feminismo e história motivam conteúdos produzidos para grupos específicos; para realizadores, nem todo patrocínio é bom

Podcast, um novo modelo de negócio

Mesa de abertura da segunda edição do evento discutiu estratégias de financiamento 

Acompanhe a transmissão ao vivo da segunda Maratona Piauí CBN de Podcast

Encontro está sendo transmitido em áudio e em vídeo nos sites e redes sociais da piauí e da CBN

Sem saúde nem plano

Por que os planos de saúde privados se tornam inviáveis a partir dos 60 anos e como algumas operadoras conseguem cobrar menos

Foro de Teresina #64: A fritura de Moro, a expulsão de Frota e o acordo de Itaipu

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Acordo de WhatsApp para manter Frota no PSL não resiste a canetada de Bolsonaro

Bancada selou em grupo de aplicativo permanência do deputado, que acabou expulso depois de criticar Eduardo; outros parlamentares devem ser enquadrados

O direito ao cinema

Reflexões de Antonio Candido sobre literatura podem ser adaptadas ao cinema, uma aventura equivalente

Mais textos
1

A vovó fashion

Uma influencer e seus looks ousados

2

A imprevidência chilena

Elogiado por Bolsonaro e Guedes, regime de capitalização implantado no Chile tem aposentadoria média inferior ao salário mínimo

3

Por que João Gilberto é João Gilberto

Diretor artístico da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo comenta, ao violão, legado do inventor da bossa nova; veja os vídeos

4

Acordo de WhatsApp para manter Frota no PSL não resiste a canetada de Bolsonaro

Bancada selou em grupo de aplicativo permanência do deputado, que acabou expulso depois de criticar Eduardo; outros parlamentares devem ser enquadrados

6

Sem saúde nem plano

Por que os planos de saúde privados se tornam inviáveis a partir dos 60 anos e como algumas operadoras conseguem cobrar menos

7

“Embaixador”, Eduardo Bolsonaro triplica de tamanho no Twitter

Zero Três é agora o filho mais citado na rede; entre parlamentares, Carla Zambelli se destaca

8

Congresso abana o fogo entre Moro e Bolsonaro

Deputados comemoram desgaste do ministro da Justiça com Bolsonaro, impõem derrotas ao pacote anticrime e mostram descontentamento com o ex-juiz símbolo da Lava Jato

9

Um novo epílogo para Eike Batista

Investigação que levou empresário de volta à cadeia mostra como ele enganou investidores e manipulou preço das ações

10

Operação zangão

O combate ao furto de abelhas no interior de Minas Gerais