Ana Carolina Brandizzi

histórias publicadas

<em>Samba e Amor</em>: um elogio ao desejo
questões musicais

Samba e Amor: um elogio ao desejo

Desejo, vontade, paz. É isso que chega aos nossos ouvidos quando Chico Buarque transmite os versos de Samba e Amor, canção de sua autoria lançada no ano de 1970. A música, que é narrada por um eu-lírico calmo, livre de qualquer preocupação externa, quase que preguiçoso, traz não somente a visão de um homem que não quer fazer nada além de samba e amor, mas um homem que encontra "no colo da benvinda companheira" e "no corpo do bendito violão" a forma mais plena de ser leal consigo mesmo: realizar a vontade de fazer samba e amor.