rádio piauí

Foro de Teresina #1: justiçamento, abraço de gambá e túnel do tempo

Confira a estreia do podcast de política da rádio piauí com Fernando de Barros e Silva, Malu Gaspar e José Roberto de Toledo. A partir de hoje, o Foro vai ao ar toda quinta-feira, às 17h

17maio2018_16h42
Em São Paulo, a morte de um assaltante virou palco para demagogias e um conservadorismo perigoso.
Em São Paulo, a morte de um assaltante virou palco para demagogias e um conservadorismo perigoso. ILUSTRAÇÃO: EML

O Foro de Teresina decolou. No programa de estreia, o podcast de política da piauí discute as intenções eleitoreiras por trás da exaltação da morte de um assaltante, o desarme oportuno de um homem-bomba em meio à pré-campanha de Geraldo Alckmin e o slogan psicanalítico que sintetizou, por um excepcional ato falho, o legado da presidência de Michel Temer.

Bloco 1: Leviandade, oportunismo e marketing eleitoral em torno de uma morte violenta
Em um compromisso inusual de agenda, o governador de São Paulo, Marcio França, prestou homenagem à policial militar que matou um assaltante na cidade de Suzano e disse que quem ofender a farda da PM “está correndo risco de vida”. Relegado ao ostracismo em plena pré-campanha, o político comemorou a repercussão de sua atitude e deixou transparecer uma disputa obstinada pelo palanque do conservadorismo nas eleições.

(Os dados sobre tiroteios no Rio de Janeiro em 2018, citados neste bloco, foram divulgados pelo jornal O Globo, com base em levantamento feito pelo aplicativo Fogo Cruzado.)

Bloco 2: Abraço de gambá no ninho dos tucanos
Ao primeiro sinal de risco à candidatura presidencial de Geraldo Alckmin, um resgate: o ministro do STF Gilmar Mendes libertou o operador do PSDB Paulo Vieira de Souza, conhecido como Paulo Preto. A notícia é boa para o horizonte imediato do tucanato, mas o alívio pode ser efêmero ante um novo pedido de prisão e às vésperas da campanha eleitoral. Nas palavras do próprio Paulo Preto, sua relação com o partido é “que nem abraço de gambá: pode separar, mas fica o cheiro”.

Bloco 3: Slogan psicanalítico e o túnel do tempo da gestão de Michel Temer
Para sintetizar o balanço de seus dois anos à frente do Planalto, o presidente Michel Temer escolheu o slogan “O Brasil voltou, 20 anos em 2”. O ato falho, que provocou uma crise interna no governo, resumiu com precisão o legado da gestão emedebista e pode ter revelado, por vias psicanalíticas, um desejo oculto de varrer da história as últimas décadas.


Como ouvir o Foro de Teresina:

Além do player disponível no topo da página, o Foro de Teresina pode ser acessado em várias plataformas, tanto no computador quanto no celular. Confira abaixo como ouvir o nosso podcast:

  1. No computador: No seu navegador de preferência (Windows Internet Explorer, Mozilla Firefox, Google Chrome, Safari, Opera etc), dentro do site: www.revistapiaui.com.br

 

  1. No celular:

 

 Pra quem usa Apple

Se você tem iPhone ou iPad, seu aparelho já vem com o aplicativo Podcasts instalado. Lá, basta procurar por Foro de Teresina e clicar em assinar. É totalmente gratuito. Quando você assina, o aplicativo avisa sempre que houver um episódio novo. Ele também permite que você faça download do episódio, para poder ouvir quando estiver fora do Wi-Fi, ou até em modo avião.

 Pra quem usa Android

Se o seu celular opera no sistema Android, você pode baixar diversos aplicativos para ouvir o Foro de Teresina. Abaixo, listamos algumas opções:

  •  SoundCloud: pode ser acessado por computador, smartphone ou tablet, e está disponível nos sistemas Android e iOS. Para encontrar o nosso podcast, basta acessar o perfil da revista piauí. Ao clicar sobre um dos episódios, o programa começará a tocar automaticamente. Caso queira, você também pode adicionar o podcast a uma playlist e compartilhar um dos episódios em suas redes sociais.

 

  •  YouTube: pode ser acessado por computador, smartphone ou tablet, e está disponível nos sistemas Android e iOS. Para encontrar o nosso podcast, basta acessar os episódios por meio do canal da revista piauí.

 

  •  iTunes: pode ser acessado por computador, smartphone ou tablet de sistema operacional iOS. Para encontrar o nosso podcast, basta usar a ferramenta de busca e ir até a seção Podcasts. Lá, busque por Foro de Teresina. Você também pode assinar o programa e, assim, ser avisado quando novos episódios estiverem disponíveis: é só clicar em Subscribe. Para acessar diretamente, clique aqui.

 

  •  Resultado de imagem para stitcher icone Stitcher: pode ser acessado por smartphone ou tablet, e está disponível nos sistemas Android e iOS. Para escutar o nosso podcast, basta usar a ferramenta de busca para procurar pelo Foro de Teresina. Clicando sobre o programa, você poderá escolher um episódio para começar a ouvir. Você também pode clicar no botão + para adicionar o podcast à sua lista de favoritos e, caso queira guardar um episódio para ouvir mais tarde, você deve clicar na opção Save Episode. Para acessar diretamente, clique aqui.

 

  • Resultado de imagem para rss Feed: é possível acompanhar o Foro de Teresina por outros agregadores. Para isso, o RSS do podcast é http://forodeteresina.libsyn.com/rss

 

  •  Spotify: pode ser acessado por computador, smartphone ou tablet, e está disponível nos sistemas Android e iOS. Para escutar o nosso podcast, vá até a seção Navegar, clique em Podcasts e use a ferramenta de busca para procurar pelo Foro de Teresina. Clicando no programa, você poderá escolher qual episódio quer ouvir. Para salvar o podcast, clique na opção Seguir. Para acessar diretamente, clique aqui.

 

Ficha técnica:
Apresentação: Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Malu Gaspar
Direção: Paula Scarpin
Produção: Luiza Miguez e Luigi Mazza
Edição: Filipe di Castro
Finalização e mixagem: João Jabace
Música tema: Wânya Sales e Beto Boreno
Identidade visual: João Brizzi
Distribuição: Kellen Moraes
Gravado no estúdio da Rádio Batuta, no Instituto Moreira Salles

mais rádio piauí

Últimas Mais Lidas

Foro de Teresina #54: O trânsito de Bolsonaro, o bate-cabeça da oposição e o elogio da agressão

Podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #53: BolsoNero propõe pacto; o PSDB de Doria; outro massacre em Manaus

Podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #52 especial de um ano: Parlamentarismo branco, atos pró-governo e o lobby do fuzil

Podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #51: Moro no STF, o sigilo de Queiroz e Flavio e os protestos contra o governo

Podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #50: A ofensiva olavista, a balbúrdia na educação e os tiros de Witzel

Podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Maria vai com as outras #8: A culpa não é sua

Uma engenheira e uma advogada falam sobre assédio no ambiente de trabalho, as consequências...

Foro de Teresina #49: O levante na Venezuela, o (des)governo da educação e a entrevista de Lula

Podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Foro de Teresina #48: O avanço da Previdência, os ataques de Carluxo e a redução da pena de Lula

Podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Mais textos
1

Excelentíssima Fux

Como a filha do ministro do STF se tornou desembargadora no Rio

2

A redenção dos cinco

Um filme sobre os rapazes presos por um estupro que não cometeram

3

Moro contra a parede

Para especialistas, conversas entre ex-juiz e Dallagnol indicam parcialidade e, no limite, podem levar Supremo a anular julgamento de Lula

4

Um general da ativa no centro da articulação política

Novo ministro terá de deixar Alto Comando do Exército; divergências no uso da verba de comunicação e atritos com ala olavista, inclusive Carlos Bolsonaro, explicam demissão de Santos Cruz

6
7

Bolso esvazia bolsonarismo

Estagnação da economia é a maior razão de arrependimento de quem votou em Bolsonaro mas acha o governo ruim ou péssimo

10

Procura-se um presidente

Dependência virtual e extremismo de Bolsonaro precipitam corrida política no campo da direita