rádio piauí

Foro de Teresina #12: O quebra-cabeça dos estados, o PT volta às origens, e o teste televisivo de Bolsonaro

O podcast de política da piauí discute os fatos recentes da corrida presidencial

02ago2018_17h00
O ex-capitão passou sem grandes arranhões pela entrevista ao Roda Viva, seu principal teste até o momento.
O ex-capitão passou sem grandes arranhões pela entrevista ao Roda Viva, seu principal teste até o momento. ILUSTRAÇÃO: PAULA CARDOSO

Nesta semana, o Foro de Teresina aborda as dificuldades e as contradições entre as alianças para a eleição presidencial e a formação dos palanques nos estados; no segundo bloco, o assunto é o programa de governo do PT; por fim, no último bloco, discutimos a participação de Jair Bolsonaro no Roda Viva.

Bloco 1: O quebra-cabeça nos estados
As alianças nacionais entre os partidos começam a tomar forma, mas os arranjos regionais seguem uma lógica própria e impõem desafios aos candidatos a presidente. Embora as cúpulas do Centrão tenham fechado com Geraldo Alckmin, em Minas Gerais e Goiás os candidatos dessas legendas se enfrentam diretamente; em outros estados, como Maranhão e Ceará, partidos do bloco apoiam adversários do tucano. Numa eleição em que uma pequena diferença de votos pode colocar um presidenciável no segundo turno, uma boa combinação de arranjos locais pode ser decisiva.

Bloco 2: O programa-raiz do PT
A Executiva Nacional do PT aprovou uma carta com as cinco “ideias-força” que devem embasar seu plano de governo. Elaborado pelo coordenador da campanha de Lula, Fernando Haddad, o documento põe em evidência temas como a regulação dos meios de comunicação e a revisão da Lei Anticorrupção. O programa é uma tentativa de agrupar a militância em torno de Haddad – que, embora seja o mais cotado para substituir Lula, ainda enfrenta resistência interna no partido.

Bloco 3:  O fenômeno Bolsonaro e o desafio do jornalismo
O ex-capitão passou sem grandes arranhões pela entrevista ao Roda Viva, seu principal teste até o momento. Confrontado por jornalistas de alguns dos maiores veículos impressos do país, reproduziu seus bordões polêmicos para uma audiência recorde, tanto na tevê aberta como na internet. O embate fortaleceu a narrativa bolsonarista de que ele é perseguido pela grande mídia. E acendeu o debate sobre como o jornalismo deve cobrir uma candidatura que a elite intelectual abomina, mas que desperta o engajamento de uma porção considerável do eleitorado.

*

Correção: diferentemente do que foi dito pela repórter Malu Gaspar, o spread bancário é a diferença entre os juros que o banco paga ao tomar empréstimos no mercado e os juros que ele cobra dos clientes que pegam dinheiro emprestado.

*

Quer ouvir os episódios anteriores? Clique aqui.

Você também pode ouvir o podcast em outras plataformas:

 Spotify: clique aqui.

 iTunes: clique aqui.

 SoundCloud: clique aqui.

 YouTube: clique aqui.

Resultado de imagem para stitcher icone  Stitcher: clique aqui.

Resultado de imagem para rss  Feed: é possível acompanhar o Foro de Teresina por outros agregadores. Para isso, o RSS do podcast é http://forodeteresina.libsyn.com/rss

Está tendo dificuldades para ouvir o podcast? Confira o nosso guia.

Ficha técnica:
Apresentação: Fernando de Barros e Silva, José Roberto de Toledo e Malu Gaspar
Direção: Paula Scarpin
Produção: Luiza Miguez, Luigi Mazza e Mari Faria
Edição: Filipe Di Castro
Finalização e mixagem: João Jabace
Música tema: Wânya Sales e Beto Boreno
Identidade visual: João Brizzi
Ilustração: Paula Cardoso
Distribuição: Kellen Moraes, Luigi Mazza e Yasmin Santos
Gravado no estúdio da Rádio Batuta, no Instituto Moreira Salles

mais rádio piauí

Últimas Mais Lidas

A Terra é redonda: Coroa de espinhos

Especialistas discutem quem é o inimigo que está prendendo bilhões em casa e como vamos...

Foro de Teresina #94: A subnotificação do vírus, Bolsonaro acuado e a economia desgovernada

O podcast de política da piauí comenta os principais fatos da semana...

Maria vai com as outras #4: Profissionais do Cristianismo

Uma pastora Batista e uma freira Agostiniana contam sobre rotina, compromissos, sustento e planejamento...

Foro de Teresina #93: O Brasil de quarentena, o isolamento de Bolsonaro e a economia à deriva

O podcast de política da piauí comenta os principais fatos da semana

A Terra é redonda: O fim da picada

O que a mortandade de abelhas tem a ver com a liberação recorde de agrotóxicos?

Foro de Teresina #92: A escalada mortal do vírus, antidepressivo para a economia e o governo mascarado

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Maria Vai Com as Outras #3: O procedimento

No terceiro episódio desta temporada, três mulheres contam como e quando decidiram fazer um aborto

Foro de Teresina #91: A pandemia, a crise econômica e as ameaças de Bolsonaro

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

A Terra é redonda: O mundo dá voltas

Os terraplanistas estão se aproximando do poder: chegou a hora de falar deles

Foro de Teresina #90: O golpismo de Bolsonaro, a polícia política e a Super Terça americana

O podcast de política da piauí discute os principais fatos da semana

Mais textos
2

E se ele for louco?

Suspeitar da sanidade mental de Bolsonaro não permite encurtar caminho para afastá-lo; saída legal é o impeachment

5

Resultado de teste de covid-19, só um mês depois do enterro

Se Brasil repetir padrão chinês, hospitalizações por síndromes respiratórias graves apontam para 80 mil casos no país

6

Não tenho resposta para tudo

A vida de uma médica entre seis hospitais e três filhos durante a pandemia

7

Direito à despedida

As táticas de médicos e famílias para driblar a solidão de pacientes de covid-19 nas UTIs

8

Separados pelo coronavírus

Ao falar contra isolamento, Bolsonaro surpreende até Bannon, favorável à quarentena total; no Brasil, cúpula do Congresso teme autoritarismo e evita confronto direto

9

Onze bilhões de reais e um barril de lágrimas

Luis Stuhlberger, o zero à esquerda que achava que nunca seria alguém, construiu o maior fundo multimercado fora dos Estados Unidos e, no meio da crise, deu mais uma tacada

10

A capa que não foi

De novo, a piauí muda a primeira página aos 45 do segundo tempo