The Piauí Herald The Piauí Herald

Por Roberto Kaz e Afonso Cappellaro (sob a supervisão do jornalista Olegário Ribamar)

Plebiscito grego rejeita novo penteado de Ideli Salvatti

04nov2011_15h58

ACRÓPOLE – Depois de dias de tumulto que quase levaram o país à guerra civil, a população grega, por maioria esmagadora, rejeitou em plebiscito o novo caimento sedoso dos cabelos da ministra Ideli Salvatti. “Há um limite para tanta maciez”, disse Eudóxia Papalelos, uma cabeleireira de Tessalónica cujo emprego desapareceu no dia em que se viu forçada a confessar, aos prantos, ser incapaz de reproduzir o acetinado dos novos fios capilares ministeriais.

O Primeiro-Ministro George Papandreou sai vitorioso do plebiscito. Um dos críticos mais ferozes do penteado salvattino, Papandreou considerou que a ministra das Relações Institucionais do Brasil foi insensível ao drama de sua (dele) própria calvície. “Tivemos de demitir 150 mil funcionários públicos, cortamos pela metade o salário de professores, o desemprego ronda os 45% e vem a Ideli jogar na cara do povo grego que o primeiro-ministro de Hellas não tem como soprar a franja com brejeirice ao indicar mais um assessor para o Ministério dos Esportes”, protestou.

A Associação de Armadores Gregos (AAG) foi dos poucos grupos organizados a votar pela aprovação do penteado de Salvatti. “Acreditamos que os agentes químicos empregados pelo corpo de técnicos que deram assistência à ministra produziram um tecido dúctil de rara impermeabilidade e prodigiosa resvaladura. Ponha-se um navio-tanque naquele meio, e ele deslizará até o destino final”, disse Popos Andropatos, diretor-geral da associação, cujo esforço, agora, é convencer Salvatti a crescer os cabelos até alcançarem o Estreito do Peloponeso. “É a nossa rota mais lucrativa”, explicou.

Leia também:



Eike Batista compra a Grécia

Crise italiana leva Vaticano a aumentar dízimo para 15%

PIB da China é pego no antidoping

Arquivo
  • 2020
  • 2019
  • 2018
  • 2017
  • 2016
  • 2015
  • 2014
  • 2013
  • 2012
  • 2011
  • 2010
  • 2009
O The piauí Herald não é uma seção noticiosa, mas exclusivamente de humor, com sátiras da realidade política do Brasil.