The Piauí Herald The Piauí Herald

Por Roberto Kaz e Afonso Cappellaro (sob a supervisão do jornalista Olegário Ribamar)

Capitão do Costa Concordia vai para o Ministério da Pesca

18jan2012_16h48

COSTAS LARGAS – "O capitão terá amplo direito de defesa porque nada está provado", afirmou ontem a presidenta Dilma Rousseff ao sair do Lago Norte de pé-de-pato. "Não podemos deixar que a imprensa linche um inocente apenas com base em gravações definitivas em que se nega a cumprir suas funções ." Fontes submersas garantiram ao i-Herald que Dilma incluirá Francesco Schettino na Reforma Ministerial. "Temos vaga no Ministério da Pesca Submarina. Mas deixei avisado: se é pra afundar, que leve junto o PMDB", tergiversou a mandatária da nação.

A presidenta teria tomado conhecimento dos predicados de Schettino poucas horas depois do naufrágio do transatlântico Costa Concordia. Como a Capitania dos Portos italiano não conseguisse convencê-lo a retornar ao navio, o primeiro-ministro italano Mario Monti apelou para o Planalto. “A senhora é a nossa última esperança”, disse. Dilma pediu para que pusessem Schettino no telefone. Ao ser informada de que ele já estava na linha, a presidenta disse apenas: “Meu querido…”

Testemunhas da cena contaram que antes mesmo de a presidenta continuar, Schettino pulou na água e desapareceu na noite fria. Chegou ao navio 48 segundos depois, batendo o recorde mundial de Cesar Cielo.

O premiê Monti aproveitou para negar que o euro também tenha naufragado. "Antes da canoa virar, pedimos para a Angela Merkel fazer contrapeso", informou. 



Leia também

Virada de ano conserta todos os problemas brasileiros

Dilma demite São Pedro

Brasil é o Botafogo dos Brics

Crise europeia anuncia turnê pelo Brasil

Arquivo
  • 2021
  • 2020
  • 2019
  • 2018
  • 2017
  • 2016
  • 2015
  • 2014
  • 2013
  • 2012
  • 2011
  • 2010
  • 2009
O The piauí Herald não é uma seção noticiosa, mas exclusivamente de humor, com sátiras da realidade política do Brasil.