CBF elogia gestão do Flamengo

23jul2014_19h45

LANTERNA DOS AFOGADOS – Em último lugar no Campeonato Brasileiro, o Flamengo demitiu o técnico Ney Franco, que treinou o time por sete jogos. "O Flamengo não tem craques, não tem esquema tático e há tempos não revela um grande nome nas divisões de base. Tudo flutua sobre o nada. É um modelo de gestão invejável", filosofou o presidente da CBF, José Maria Marin.

Em paralelo, o Superior Tribunal de Justiça Desportiva descobriu que o Flamengo escalou Ney Franco de forma irregular e penalizou o clube com a contratação de Vanderlei Luxemburgo.

A diretoria do clube rubro-negro agora estuda a demissão coletiva de todo o elenco. "Vamos fazer fluxo de caixa para contratar 11 advogados do Fluminense. Será mais efetivo", garantiu Eduardo Bandeira de Mello.

Leia também

Torcedor do Flamengo é hospitalizado ao descobrir que time não é a Alemanha

Polícia investiga ligação de Sininho com a volta de Dunga à seleção

"Dunga es más grande que Telê", arrisca José Maria Marin

Ronaldo Fenômeno é o novo preparador físico da seleção brasileira

PM prende preventivamente cinco técnicos de futebol que pretendiam assumir a seleção

Arquivo
O The piauí Herald não é uma seção noticiosa, mas exclusivamente de humor, com sátiras da realidade política do Brasil.