Bolsonaro escala ortopedista para resolver problema de articulação política

27mar2019_19h39
“Em estratégia militar a gente entende que precisa cuidar da retaguarda, e disso o Doutor Bumbunm entende kkkkk” afirmou Bolsonaro em tuíte simultâneo em sua conta e na dos filhos
“Em estratégia militar a gente entende que precisa cuidar da retaguarda, e disso o Doutor Bumbunm entende kkkkk” afirmou Bolsonaro em tuíte simultâneo em sua conta e na dos filhos
QUINTO METATARSO – “Não vou jogar dominó com o Lula e o Temer no xadrez. Mas posso dividir o fisioterapeuta kkkkkkk”. A frase foi tuitada pelo presidente Jair Bolsonaro nesta tarde, durante uma coletiva de imprensa sem imprensa realizada por meio de suas redes sociais. Bolsonaro reiterou que não vai jogar o jogo da velha política e, como prova, anunciou que a articulação do seu governo está sob os cuidados de um ortopedista. “O nome dele é Doutor Bumbum. Foi indicação do Olavo, que só hoje tuitou a palavra cu 27 vezes.”
A decisão foi feita depois de o governo lidar com uma derrota acachapante no Congresso, com a aprovação repentina de uma PEC, na noite de ontem, que pode congelar ainda mais os gastos públicos. A partir de agora, toda interação entre o Bolsonaro e Rodrigo Maia terá de passar pelo ambulatório do ministro Bumbum. “No tocante a prioridades, já indiquei um enxugamento da máquina pública e da papada do Rodrigo Maia kkkkk”, escreveu Bolsonaro.
Questionado pela imprensa (e pela polícia) a respeito de suas qualificações para lidar com a articulação do governo, Doutor Bumbum mostrou-se irritado: “Tenho um mestrado bíblico em ortopedia, que nem a ministra Damares.” Adiantou que a articulação será feita diretamente na casa dos congressistas ou na residência do vice-presidente. “Vou transformar o Palácio do Jaburu no Palácio Miss Brasília.”
Arquivo
O The piauí Herald não é uma seção noticiosa, mas exclusivamente de humor, com sátiras da realidade política do Brasil.