Em defesa do MEC, Bolsonaro anuncia investimento em sertanejo universitário

15maio2019_16h39
Bolsonaro também estuda mudar o termo “sertanejo universitário” para “sertanejo sem partido”
Bolsonaro também estuda mudar o termo “sertanejo universitário” para “sertanejo sem partido”

BARRETOS, TEXAS – “Aqui você vê balbúrdia? Vê gente fazendo ciranda? Vê homem usando bata? Mulher de dreadlock? Não vê. Aqui tem gente de bem que só quer usar a caminhonete e a pistola tranquilamente, e é isso que vamos incentivar, tá ok?”, afirmou Jair Bolsonaro, em visita a uma filial da Festa do Peão de Barretos inaugurada no estado americano do Texas. “A UFBA vai virar Universidade Federal de Barretos. A UFF agora é UFS, Universidade Fernando e Sorocaba, e assim por diante. É a vontade da população. É ou não é, galera?”, perguntou o presidente a um público de 30 mil pessoas que aguardava uma apresentação do cantor — e agora reitor da UFBA — Gusttavo Lima.

“Os investimentos vão subir cerca de 50%, ou 5,5%, dependendo do ponto de vista, já que investimos em duplas, não mais em indivíduos. Irmãos e pessoas com nomes que rimam terão prioridade”, explicou o ministro da Educação, Abraham Weintraub. “Esse olhar vai ser usado na prova do ENEM também, que esse ano vai usar o tema ‘Farra, Pinga e Foguete’ para discutir a verdadeira cultura brasileira.”

Em paralelo, Bolsonaro anunciou mais um corte, dessa vez nos universitários do Show do Milhão, o extinto programa do SBT. “Aquela coisa de o cara não saber a resposta e ter que perguntar aos universitários passava uma ideologia muito errada ao brasileiro”, explicou, adiantando que na reformulação, o programa virá com o quadro “Pergunte ao sniper”: “Bem melhor. O sniper não tem ideologia, e sempre acerta o alvo, que pode ser a pergunta ou alguém da plateia, se for comunista, gayzista, ou mesmo universitário.”

No lugar de Silvio Santos, o programa será comandado pelo apresentador Wilson Witzel.

Arquivo
O The piauí Herald não é uma seção noticiosa, mas exclusivamente de humor, com sátiras da realidade política do Brasil.