Tem certeza que deseja sair da sua conta?

Como os leitores podem contribuir? A Lupa aceita sugestões de checagem?

| Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
15.out.2015 | 09h08 |

A Lupa pretende elevar o custo da mentira e dar destaque às verdades. Acredita que, quanto mais popular for a lógica do fact-checking, maior será a chance de informações de qualidade circularem pelo país. Por isso, a agência convida seus leitores a enviar sugestões de checagem todas as vezes que se depararem com algo duvidoso. A Lupa lembra apenas que não é capaz de atender a 100% da demanda. Um dos motivos é a metodologia da agência, que determina que são checáveis informações relacionadas a dados, fatos históricos, legalidades e comparações e afirmações – excluídos os conceitos amplos, as opiniões e questões relacionadas a futuro e/ou tendências. Outro, sua equipe reduzida de jornalistas. 

As sugestões poem ser feitas por e-mail, no lupa@lupa.news, e também pelo preenchimento de um breve formulário, o do #LupaAqui. É possível enviar sugestões e conteúdos para verificação também pelo WhatsApp da Lupa, no número +55 21 99193-3751 ou clicando aqui.

Os leitores também podem solicitar checagens de publicações que circulam no Facebook e no Instagram, denunciando esses conteúdos diretamente às plataformas. Para isso, é necessário acessar o menu clicando nos três pontinhos (reticências) que aparecem no canto superior direito de cada post e denunciando-o como “notícia falsa”. Essas denúncias são direcionadas à Lupa no âmbito do Third Party Fact-Checking Project, projeto de verificação de notícias lançado pelo Facebook no Brasil em maio de 2018 e do qual a Lupa é parceira.

Nota: A Lupa usa este espaço para enfatizar que não republica checagens prontas, sejam elas enviadas por e-mail, formulário de sugestão de pauta ou redes sociais. Também solicita às assessorias de imprensa que sejam compreensivas nesse sentido.

Nota 2: A Lupa tem uma equipe de checadores reduzida. Eventuais freelancers poderão ser negociados caso a caso, sempre sob demanda.

(Atualização feita em 1º de março de 2021)

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo