A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

Na Lupa, há espaço para contestações? E correções?

| Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
15.out.2015 | 09h07 |

A Lupa está aberta à contestação daqueles que forem checados por ela. Essas contestações devem, no entanto, ser enviadas à agência pelo e-mail lupa@lupa.news. O material será publicado no post original da checagem, com a data e a hora de sua inserção em destaque, no formato “atualização” ou “correção”. A Lupa se reserva o direito de publicar uma tréplica ou uma nota de redação se considerar necessário.

Ante a constatação de um erro próprio, a agência se compromete a alterar a checagem, dando destaque à nova classificação, bem como a fazer esse ajuste circular por suas redes sociais. No fact-checking da Lupa, não se deleta o que foi ao ar. Corrige-se. Este é um dos pontos do código de ética da International Fact-checking Network (IFCN), a rede mundial de checadores do qual a Lupa faz parte.

Nos posts, a agência deixa entre parêntesis e em cinza (a informação errada). Em seguida, redige a correta. Se for necessária a troca de etiqueta, isso é publicamente informado no texto da correção. Todos os clientes da Lupa que tiverem republicado a checagem equivocada são contratualmente obrigados a fazer correções. A agência também informa sobre seu erros de forma clara e ampla em suas redes sociais.

A Lupa tem uma metodologia de trabalho composta por oito passos. Até dezembro de 2018, já havia sido aprovada por duas auditorias internacionais feitas pela IFCN.

(Atualização feita em 21 de dezembro de 2018)

Como posso contribuir? Posso sugerir checagens?

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo