A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

O colégio Pensi teve o maior reajuste no Rio de Janeiro (Divulgação)
O colégio Pensi teve o maior reajuste no Rio de Janeiro (Divulgação)

Confira ranking carioca do reajuste escolar 2016

Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
14.dez.2015 | 16h47 |

Das 20 escolas cariocas com melhores notas no Enem, 14 reajustaram suas mensalidades para o 3º ano do Ensino Médio aplicando índices que superam não só a inflação geral do país nos últimos 12 meses como também a constatada na região metropolitana do Rio de Janeiro nesse mesmo período. As taxas de reajuste adotadas por essas escolas também ultrapassaram o IPCA da Educação. Todos esses índices são produzidos pelo IBGE.

O IPCA do Brasil nos últimos 12 meses foi de 10,48%. O IPCA da região metropolitana do Rio de Janeiro, de 10,68%. Já o IPCA Educação do Rio ficou em 9,23%.

O colégio Pensi, na Tijuca, que ocupa o primeiro lugar no último ranking do Enem, foi o que teve maior reajuste: 15,3%. Em 2016, passará a cobrar R$ 1.500,00 dos alunos do 3º ano do Ensino Médio.

O segundo maior reajuste observado foi o do colégio Franco Brasileiro: 14,3%. No ano que vem, a escola cobrará R$ 2.717,00 daqueles que cursarem o último ano.

O Colégio São Bento ficou em terceiro lugar no ranking dos maiores reajustes, com 14,2% de alta. Alunos do 3º ano do Ensino Médio pagarão R$ 3.339,93 em 2016.

Segundo levantamento feito pela Lupa nos últimos dias, apenas o Colégio Cruzeiro, no Centro do Rio, teve reajuste inferior às taxas de inflação divulgadas pelo IBGE. A escola aumentou em 5% sua mensalidade. Em 2016, cobrará R$ 3.218,00.

Não responderam à agência as escolas Sistema Elite de Ensino, Colégio Bahiense, Eliezer Steinbarg Max, Colégio de A a Z e Colégio PH. Os alunos da Escola Sesc Ensino Médio não pagam mensalidade por conta de apoio recebido do setor de comércio.

O reajuste  salarial dos professores na capital fluminense neste ano foi de 8,5% entre abril e outubro e de 9% a partir disso.

 

RANKING DAS ESCOLAS COM MAIOR REAJUSTE:

1. Pensi (Tijuca): reajuste de 15,3% – R$ 1.500,00

2. Franco Brasileiro: reajuste de 14,3% – R$ 2.717,00

3. São Bento: reajuste de 14,2% – R$ 3.339,93

4. Andrews: reajuste de 13,2% – R$ 2.668,00

5. Pensi (Vila da Penha): reajuste de 13% – R$ 1.300,00

6. Santo Agostinho: reajuste de 12,9% – R$ 2.886,17

7. Escola Parque (Barra): reajuste de 12,9% – R$
3.265,21

8. Santo Agostinho (N. Leblon): reajuste de 12,5% – R$ 2.886,17

9. C. Educ. Ensino Integrado: reajuste de 12% – R$ 2.742,27

10. Cruzeiro (Jacarepaguá): reajuste de 11,9% – R$ 2.865,00

11. São Vicente de Paulo: reajuste de 11,7% – R$ 2.503,06

12. Santo Inácio: reajuste de 11,3% – R$ 2.650,00

13. CEMP Ensino Médio: reajuste de 11,1% – R$ 1.756,55

14. Cruzeiro (Centro): reajuste de 5,4% – R$ 3.218,00

DE OLHO

A Lupa também conferiu a variação das mensalidades nas melhores escolas de São Paulo.

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo