A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

O que você sabe sobre a sentença que condenou Sérgio Cabral?

| Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
28.set.2017 | 07h50 |

Na última quinta-feira (21), o ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral foi condenado a 45 anos e 2 meses de prisão por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Na sentença do juiz Marcelo Bretas, Cabral foi apontado como o líder de uma organização criminosa que recebeu vantagens indevidas em diversas obras feitas no estado desde 2007. O advogado de Cabral, Rodrigo Roca, classificou a sentença como uma “violência ao estado democrático de  direito” e disse que vai recorrer.

Esta, no entanto, é a segunda condenação do ex-governador. Em junho, o juiz federal Sergio Moro já o havia condenado pelo recebimento de R$ 2,7 milhões em propina da Odebrecht por obras do Complexo Petroquímico do Rio (Comperj). Réu em outros 12 processos da Operação Lava Jato, Cabral, por enquanto, está condenado a 59 anos e 4 meses de reclusão. Mas, afinal, o que você sabe sobre a última sentença de Cabral? A Lupa preparou um quiz sobre o assunto. 

 

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo