A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

SobreElas: em Recife, Secretaria da Mulher dobrou investimentos em 3 anos  

| Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
19.mar.2018 | 12h00 |

Durante a campanha eleitoral de 2016, o atual prefeito de Recife, Geraldo Julio (PSB) prometeu consolidar a Secretaria da Mulher da capital pernambucana. A proposta foi inclusive registrada no programa de governo que ele registrou no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Mas, até agora, Geraldo Julio não conseguiu garantir um aumento constante do orçamento da pasta para que ela pudesse efetivar os serviços prestados pelo órgão.

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), não registrou, por sua vez, nenhuma promessa específica para as mulheres no programa de governo que apresentou durante a campanha de 2014. Procurado para comentar essa ausência, Câmara não retornou.  

No mês em que se celebra o Dia Internacional da Mulher, a Lupa volta às promessas feitas às eleitoras nas campanhas de 2014 e 2016 para ver se saíram ou não do papel. É a série SobreElas. A seguir, o resultado da análise sobre Recife:

“Fortalecimento das políticas para as mulheres, com a consolidação da Secretaria da Mulher e ampliação dos serviços prestados pelo órgão”
Página 13 da proposta de governo que Geraldo Julio (PSB), hoje prefeito de Recife, registrou no TSE em 2016  A secretaria da mulher do Recife foi criada em março de 2013, no primeiro ano de Geraldo Julio à frente da prefeitura da capital pernambucana. Desde então, o valor gasto com investimentos dobrou, mas não houve um aumento no orçamento total da pasta.

Segundo dados da Transparência, no primeiro ano da secretaria, o orçamento da pasta foi de R$ 621 mil. Em 2015, ainda antes da atual gestão de Geraldo Júlio, ele atingiu o ponto mais alto da série histórica, com R$ 4,514 milhões. No ano passado (último dado disponível), acabou encolhendo para R$ 4,185 milhões.

Ainda de acordo com a Transparência, em 2013, a rubrica de “investimentos” da pasta, ou seja, aquela destinada à compra de materiais para infra-estrutura e ações de foto e vídeo, por exemplo, consumiu R$ 26.281. Em 2015, último ano da última gestão, houve uma queda brusca, para R$ 6.810. No ano passado (último dado disponível), no entanto, subiu forte – para R$ 59,4 mil em investimentos.

Entre as ações recentes tomadas pela secretaria estão a realização de oficinas de igualdade de gênero em escolas públicas e a elaboração de uma cartilha contra o preconceito LGBT, lançada no dia da Visibilidade Lésbica. Também foram organizados eventos contra violência sofrida pelas mulheres.

Procurada, a prefeitura não retornou.

Leia outras checagens da série SobreElas / Leia outras deste mês / Volte à home

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo