A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: É falso que 500 mil pessoas deixaram o Bolsa Família desde o início do ano

por Chico Marés
10.jan.2019 | 18h24 |

Circula nas redes sociais imagem que sugere que 500 mil pessoas pediram desligamento do Bolsa Família nos últimos sete dias por “medo de auditoria”. Por meio do projeto de verificação de notícias, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

“Governo de Bolsonaro, em 7 dias de governo, tira meio milhão de pessoas da pobreza. Medo da auditoria causa debandada de beneficiários do Bolsa Família”
Imagem publicada no Facebook, com 2,5 mil compartilhamentos até as 17h30 do dia 10 de janeiro de 2019

FALSO

A imagem é uma montagem. Ela utiliza a reprodução de uma página real do governo federal como base, mas com a inserção da frase “520 mil e 148 pessoas solicitaram desligamento voluntário em todo o país”. Isso é perceptível ao se comparar o tamanho e o tipo de letra usado na página original, que segue o que aparece na frase “Beneficiários podem pedir o desligamento voluntário do Bolsa Família ao melhorarem de vida”.

A informação é igualmente falsa. Em 26 de dezembro, a Rádio MDS, da assessoria de comunicação do Ministério de Desenvolvimento Social (MDS), publicou uma reportagem de rádio falando sobre o desligamento voluntário de beneficiários do programa. Um dos trechos diz o seguinte: “Assim como a dona Maria Cecília, desde 2003, outras 520 mil e 148 pessoas solicitaram o desligamento voluntário em todo o país”. Ou seja, o número citado é o total de famílias que deixaram o programa durante toda a sua existência, e não nos últimos sete dias, e nada tem a ver com “medo de auditoria”.

Um detalhe importante é a grafia pouco usual do número 520.148. Por ser um programa de rádio, a transcrição realizada pela assessoria do MDS seguiu a ordem da fala, e grafou o número como “520 mil e 148 pessoas”, e não “520.148 pessoas”, forma geralmente utilizada em textos escritos. Esse formato foi copiado na imagem falsa.

Por telefone, a assessoria do MDS confirmou que a saída de meio milhão de beneficiários em sete dias é “absolutamente falsa”. Segundo a assessoria, só é possível saber quantas pessoas entraram e saíram do programa no fechamento da folha de pagamento mensal. Esse processo só ocorrerá no final do mês de janeiro.

*Nota: esta reportagem faz parte do projeto de verificação de notícias no Facebook. Dúvidas sobre o projeto? Entre em contato direto com o Facebook.

Editado por: Natália Leal

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo