A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

Foto: Pedro França / Agência Senado
Foto: Pedro França / Agência Senado

Congresso 2019: fidelidade partidária, ocorrências judiciais e doações. Conheça aqueles que querem presidir Câmara e Senado

| Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
01.fev.2019 | 08h31 |

Nesta sexta-feira (1), os deputados federais e senadores tomam posse e escolhem os presidentes da Câmara e do Senado. Quinze desses políticos estão* na corrida para ocupar os dois cargos mais altos do Poder Legislativo – que também estão na linha de sucessão presidencial. Mas quem são eles? São fiéis a seus partidos? Têm ocorrências judiciais? Quem bancou suas campanhas? A Lupa mergulhou em bases de dados públicas e trouxe diversas informações sobre eles. Veja nos links a seguir a coleção de reportagens:  

Congresso 2019: O tamanho da infidelidade partidária dos que querem presidir Câmara e Senado
Alvaro Dias e Major Olimpio aparecem no topo do ranking dos infiéis, com passagens por seis siglas diferentes ao longo da carreira

Congresso 2019: As ocorrências judiciais dos candidatos a presidente da Câmara e do Senado
Quatro dos 15 candidatos são alvo de ações penais ou inquéritos que tramitam na Justiça

Congresso 2019: Quem bancou as eleições daqueles que querem presidir Câmara e Senado?
Empresários no lugar de empresas e campanhas milionárias em 2014 e 2018

Congresso 2019: O que você sabe sobre aqueles que já presidiram Câmara e Senado?

Só um a cada quatro deputados eleitos cumprirá mandato pela primeira vez

Apenas 10 entre os 54 novos senadores cumprirão um mandato eletivo pela 1ª vez

*Nota: Na produção desta reportagem, a Lupa tomou como base a lista de candidatos que o site Poder360 e os jornais Folha de S.Paulo e O Estado de S.Paulo divulgavam até as 21h do dia 31 de janeiro de 2018

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo