Tem certeza que deseja sair da sua conta?

#Verificamos: Homem ao lado de Bolsonaro em foto não é procurado pelo assassinato de Marielle

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
12.fev.2019 | 17h41 |

Circula nas redes sociais uma foto de um homem fazendo o sinal da arma entre Jair e Flávio Bolsonaro. A legenda que acompanha a imagem diz que “o amigo do meio está foragido, procurado pelo assassinato de Marielle.” Por meio do projeto de verificação de notícias, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

O amigo do meio está foragido, procurado pelo assassinato da Marielle
Publicação que, até as 18h30 do dia 11 de fevereiro de 2019, tinha sido compartilhada mais de mil vezes no Facebook

FALSO

A pessoa ao lado de Jair e Flávio Bolsonaro na foto analisada pela Lupa é o ator Sandro Rocha, que participou do filme Tropa de Elite 2. Ele não é considerado pela polícia um procurado pelo assassinato de Marielle.

Segundo Rocha, a foto foi tirada em 2015, quando Flávio Bolsonaro fazia campanha para prefeito da cidade do Rio de Janeiro. Ele publicou um vídeo no seu canal do YouTube na última semana de janeiro desmentindo a informação e ameaçando processar Maria do Rosário, deputada federal pelo PT do Rio Grande do Sul, por propagação de fake news.

A parlamentar chegou a compartilhar o registro em seu Twitter, mas depois apagou e se desculpou. Em novo tuíte escreveu: O sujeito no meio dos Bolsonaros é ator, ñ miliciano. Peço desculpas ao ator. Quem me acompanha sabe q ñ faço isso. Foi um erro, ñ má fé. Ñ quero prejudicar o rapaz. Apago pq gostaria q fakes sobre mim tb fossem apagados”

No entanto, Sandro Rocha fez um registro do conteúdo e disse que levaria a deputada à Justiça.

  

Nota: esta reportagem faz parte do projeto de verificação de notícias no Facebook. Dúvidas sobre o projeto? Entre em contato direto com o Facebook.

 

Editado por: Natália Leal e Chico Marés

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo