A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

Reprodução
Reprodução

#Verificamos: É falso que recuperação da BR-163 tenha começado no governo Bolsonaro

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
25.fev.2019 | 15h56 |

Circula nas redes sociais uma montagem que mostra o antes e depois de uma ação do Exército para recuperar um trecho localizado no Pará da BR-163, rodovia que começa em Tenente Portela (RS) e chega até Santarém (PA), passando pelo porto de Mirituba. Legendas “informam” que a obra foi feita durante o governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL). Por meio do projeto de verificação de notícias, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

“BR-163 Pará – Antes. BR-163 Pará – Agora. São apenas 49 dias do governo Bolsonaro!!!”

Legenda de imagem que, até as 14h30 do dia 25 de fevereiro de 2019, tinha sido compartilhada mais de 1,5 mil vezes no Facebook.

FALSO

As obras do Exército na BR-163 foram iniciadas em setembro de 2017, ainda no governo de Michel Temer (MDB), e não depois que Jair Bolsonaro assumiu a presidência, em janeiro de 2019. A informação verificada pela Lupa, que consta na legenda da publicação, é, portanto, falsa.

A BR-163 é usada para escoamento da produção agrícola do Mato Grosso, mas ainda conta com trechos sem asfalto. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) fechou convênio com o Exército para pavimentar 65 quilômetros da rodovia, com previsão de entrega em fevereiro de 2020.

De acordo com o boletim diário mais recente sobre a estrada, publicado pelo Dnit em 25 de fevereiro de 2019, as obras do Exército estão em estágio avançado, mas ainda não foram concluídas: “Houve grandes avanços com a eliminação dos principais pontos de gargalos na trafegabilidade, que são as serras da Anita e de Moraes. Por ter uma rampa muito íngreme para vencer as serras, e por estar em revestimento primário, estes trechos são constantes alvos de bloqueios neste período pelo tráfego pesado de carga. O rebaixamento de ambas as serras já foi 100% concluído, restando apenas serviços de drenagem profunda e superficial e posteriormente sua pavimentação”.

Essa checagem foi feita anteriormente pelos sites Aos Fatos, Boatos.org e Estadão Verifica.

Nota: esta reportagem faz parte do projeto de verificação de notícias no Facebook. Dúvidas sobre o projeto? Entre em contato direto com o Facebook.

 

Editado por: Natália Leal

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo