A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

Reprodução TV
Reprodução TV

Tragédia em Suzano: redobre a atenção e não compartilhe notícias nem imagens falsas

| Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
13.mar.2019 | 12h41 |

Dois jovens armados invadiram uma escola de Suzano na manhã desta quarta-feira (13) e deixaram ao menos 8 mortos. Em dias como hoje, além de lamentar o ocorrido e incentivar os investigadores, os checadores ficam em estado de alerta. Momentos de extrema tensão são sempre propícios à desinformação. Cuidado com a informação que você lê e compartilha!

A plataforma de fact-checking Maldito Bulo, que atua na Espanha detectando notícias falsas, resumiu seis dicas fundamentais – bem básicas mesmo – para que você se informe nas redes e na internet no calor de acontecimentos trágicos.

Compartilhe esta informação.

Editado por: Equipe Lupa

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo