A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

Agência Lupa anuncia mudanças em sua direção e cria três diretorias em busca de ampliação

| Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
21.mar.2019 | 17h17 |

A Agência Lupa comunica nesta quinta-feira (21) que sua fundadora e diretora, a jornalista Cristina Tardáguila, assume em abril o cargo de diretora adjunta (associate director, em inglês) da International Fact-checking Network (IFCN). Tardáguila passa a trabalhar na Flórida, Estados Unidos, e a atuar em defesa de mais de 150 plataformas de checagem em todo o mundo.

Para evitar conflitos de interesse, a Lupa anuncia algumas alterações em sua governança.

O jornalista Gilberto Scofield Jr. passa a ocupar o cargo de Diretor de Estratégia e Negócios. Trabalhará na criação de novos produtos e de novas parcerias. A jornalista Natália Leal, que segue à frente da linha de produção de checagens, assume oficialmente o cargo de Diretora de Conteúdo. O publicitário Douglas Silveira fica responsável pela Diretoria de Marketing e Educação da agência, o LupaEducação. Tem pela frente o desafio de ampliar o leque de oficinas e treinamentos que a empresa oferece desde 2017 no universo da verificação.

A equipe da Lupa permanece intacta, produzindo conteúdos checados diariamente e atendendo a todos os clientes da agência. Fundada em 2015, a empresa publicou nos dois primeiros meses deste ano uma média de 55 posts a cada trinta dias.   

A Lupa aproveita a oportunidade para reiterar seu compromisso com o código de ética da IFCN: é transparente em relação a sua metodologia de trabalho, a suas fontes de informação e de financiamento. Também mantém ativa sua política de correção pública para eventuais erros e sua busca constante pelo apartidarismo. Desde 2016, a Lupa é auditada pela IFCN e tem o selo de membro verificado da rede internacional de fact-checkers.

Perfis dos novos diretores da Lupa:

GILBERTO SCOFIELD JR. é executivo de comunicação e marketing com especialização em comunicação e marketing digital. Chefiou a assessoria de comunicação e marketing da Agência Nacional do Cinema (Ancine). Foi diretor da agência de comunicação integrada Máquina Cohn & Wolfe, consultor de comunicação da secretaria de comunicação da Presidência da República. Foi editor do jornal e do site de O Globo. Pelo jornal, passou cinco anos como correspondente em Pequim, na China, e dois anos em Washington, nos EUA. Em 2000, assumiu o então inédito cargo de editor de conteúdo do portal de finanças iG Finance. Já escreveu para Revista Exame, Jornal do Brasil, O Estado de São Paulo, Revista Época, IG Finance e O Globo. É bacharel em Comunicação Social pela Universidade Gama Filho e possui MBA em Marketing Digital pela Fundação Getúlio Vargas.

NATÁLIA LEAL é jornalista e especialista em Recursos Humanos com mais de 10 anos de experiência em gestão de conteúdo e de pessoas em redações no Brasil. Foi repórter, editora, chefe de reportagem e coordenadora de produção em jornais e sites do país, como Band, Terra, Zero Hora, Diário Catarinense e Poder360. Ao longo dos últimos anos, focou seu trabalho, principalmente, na cobertura diária de política e economia, com atuação multiplataforma e no desenvolvimento de novos produtos digitais. Trabalha desde novembro de 2017 na coordenação da produção de conteúdo da Lupa. É bacharel em Comunicação Social pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e especialista em Gestão de Recursos Humanos com ênfase em Estratégias pela Fundação Getúlio Vargas.

DOUGLAS SILVEIRA é formado em Publicidade e Jornalismo pela PUC-Rio, pós-graduado em Filosofia pela UnB e possui MBA em Marketing Digital pela FGV-Rio. De 2001 a 2007, trabalhou na programação do Canal Futura, atuando também na produção das três primeiras edições do Prêmio Gestão Escolar, da Fundação Roberto Marinho. De 2008 a 2016, foi gerente de Comunicação da TV Escola, canal do Ministério da Educação, em Brasília. Coordenou a oitava edição do Prêmio Professores do Brasil, do MEC. Em 2016, foi o redator responsável pela criação dos trailers das novelas da Rede Globo para o mercado internacional. Desde março de 2017, coordena o programa LupaEducação.

Editado por: Equipe Lupa

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo