A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: É falso que homem disfarçado de padre visitava Lula e foi preso

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
01.maio.2019 | 07h50 |

Circula pelas redes sociais a imagem de um falso padre algemado, que teria sido preso. De acordo com o post, o homem visitava o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e também viajava para Venezuela e Cuba. Por meio do projeto de verificação de notícias, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

“O falso padre que visitava Lula, depois ia pra Venezuela e Cuba”

Legenda de post que, até as 11h do dia 30 de abril de 2019, tinha mais de 7,7 mil compartilhamentos no Facebook

FALSO

A informação verificada pela Lupa é falsa. A imagem do falso padre algemado foi feita em 2007 – 11 anos antes da prisão do ex-presidente Lula, portanto. Na ocasião, Rubens Miguel da Silva, então com 27 anos, foi preso em flagrante por tráfico internacional de drogas no Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos (SP). Ele transportava cerca de 2 quilos de cocaína dentro de uma cinta modeladora feminina e nos sapatos. A foto foi tirada pela fotógrafa Valéria Gonçalvez, da Agência Estado.

Silva foi detido quando estava na fila do check-in, tentando embarcar para Joanesburgo, na África do Sul, segundo notícias publicadas na época pelos sites G1, Terra e Agora São Paulo. Ele foi treinado para agir como um padre, o que dificultaria a sua abordagem pela polícia. Silva carregava livros religiosos na mala, além de usar calça e blusa pretas, e se apresentava como padre Miguel.

Checagem semelhante foi feita pelo site Boatos.org.

Nota: esta reportagem faz parte do projeto de verificação de notícias no Facebook. Dúvidas sobre o projeto? Entre em contato direto com o Facebook.

Editado por: Natália Leal

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo