A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: Banana avermelhada não transmite vírus da Aids

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
23.maio.2019 | 15h10 |

Circula pelas redes sociais uma imagem que mostra uma banana na qual teria sido injetado sangue com HIV, para que a fruta transmitisse o vírus da Aids. Por meio do projeto de verificação de notícias, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

“Urgente cuidado tem pessoas colocando sangue com aids dentro das frutas, compartilhe. Se você perceber que a fruta contém uma cor vermelho anormal não coma; muitas frutas estão sendo injetadas sangue contendo os vírus HIV/AIDS”
Legenda da imagem que, até as 15h do dia 23 de maio de 2019, tinha sido compartilhada mais de 89 mil vezes no Facebook

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. O Ministério da Saúde informou, em seu site,  que “a banana não seria um meio externo com condições propícias para transmissão do vírus do HIV”. A pasta comunicou ainda que não existe a possibilidade de uma pessoa contrair o vírus por consumo de alimentos ou por contato com roupas e objetos.

Em relação ao “vermelho anormal” da fruta, publicações e reportagens explicam que a cor seria resultado da presença de um fungo na banana. O site Plantix, que descreve doenças e anomalias que podem acontecer em plantas ou frutos, afirma que o avermelhado pode surgir da ação de um inseto na fruta.   

Segundo o Ministério da Saúde, o  vírus da Aids pode ser contraído no sexo sem proteção, no compartilhamento de seringas e em transfusões de sangue (se este estiver contaminado). A Aids também pode ser transmitida da mãe infectada para o filho durante a gravidez, no parto e na amamentação e por instrumentos que furam ou cortam e que não tenham sido esterilizados antes do uso. Entre as formas pelas quais não é possível se contrair o vírus estão: aperto de mão ou abraço, suor e lágrima e utilização de sabonete, toalha ou lençóis.

No dia 1º de abril deste ano, dia da mentira, o órgão desmentiu em seu site três notícias falsas sobre HIV – entre elas estava a da banana que teria o vírus. Checagem semelhante também foi feita pelo E-farsas.  

Nota: esta reportagem faz parte do projeto de verificação de notícias no Facebook. Dúvidas sobre o projeto? Entre em contato direto com o Facebook.

Editado por: Natália Leal

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo