A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: É falso que sargento pego com 39 kg de cocaína é filiado ao PT

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
27.jun.2019 | 15h19 |

Circula pelas redes sociais a “informação” de que o sargento da Aeronáutica Manoel Silva Rodrigues, preso na Espanha sob suspeita de entrar no país com 39 quilos de cocaína, é filiado ao PT. Ele integra o Grupo de Transporte Especial (GTE) da Força Aérea Brasileira (FAB) e viajava em um avião da Presidência. Por meio do projeto de verificação de notícias, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

“Militar preso da FAB. O militar detido por drogas é filiado ao PT. Pronto! Resolvido o mistério.”

Legenda de post que, até as 12h de 27 de junho de 2019, tinha mais de 3,2 mil compartilhamentos no Facebook

FALSO

A informação analisada pela Lupa  é falsa. De acordo com a Constituição, nenhum integrante das Forças Armadas que esteja na ativa pode integrar partidos políticos. Isso aparece no inciso V, parágrafo 3º, do artigo 142: “O militar, enquanto em serviço ativo, não pode estar filiado a partidos políticos”.

A Lupa também examinou as listas de filiados ao PT em todos os 26 estados e no Distrito Federal, disponíveis no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para saber se em algum momento Rodrigues esteve ligado à legenda. O nome do sargento não apareceu nas consultas, o que indica que ele nunca foi filiado ao partido.

Uma checagem semelhante foi feita pelo Aos Fatos.

Nota: esta reportagem faz parte do projeto de verificação de notícias no Facebook. Dúvidas sobre o projeto? Entre em contato direto com o Facebook.

Editado por: Nathália Afonso

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo