A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

Verifica T1-EP08: golpe em falsas vagas de emprego é deboche do brasileiro; ouça

Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
16.out.2019 | 15h04 |

A nova vítima da desinformação nas redes sociais no Brasil são os desempregados. Um golpe circula nas timelines travestido de oportunidade de emprego – um deboche dos mais de 12 milhões de brasileiros que não conseguem um trabalho nos dias recentes. Os jornalistas Gilberto Scofield Jr. e Natália Leal, diretores da Lupa, esclarecem o caso, que envolve, de forma caluniosa, pelo menos oito marcas bem conhecidas no país.

A diretora da IFCN e fundadora da Lupa, Cristina Tardáguila, fala sobre a disputa entre a senadora democrata Elizabeth Warren, pré-candidata na corrida presidencial americana, e o Facebook por conta de um anúncio com informação falsa envolvendo Mark Zuckerberg e Donald Trump. 

E no quadro sobre mitos e verdades na área da saúde, a repórter Nathália Afonso esclarece um conteúdo que circula em redes sociais com várias orientações e proibições a mulheres no período menstrual – e, claro, cheio de desinformação. Ouça o episódio desta semana:

O Verifica vai ao ar toda quarta-feira à tarde, no site e nas redes sociais da Lupa e nas principais plataformas de streaming de áudio – Apple Podcasts, Breaker, Castbox, Google Podcasts, Overcast, Pocket Casts, RadioPublic, Spotify e Stitcher. Clique aqui para ouvir todos os episódios.

Ficha técnica

O Verifica é uma produção da Agência Lupa, em parceria com Colmeia Podcast

Apresentação: Gilberto Scofield Jr. e Natália Leal

Produção e reportagem: Equipe Lupa

Roteiro e edição: Colmeia Podcast

Sugestões e dúvidas? Fale conosco no lupa@lupa.news

Editado por: Natália Leal

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo