A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: Vídeo de protesto em frente ao STF que circula nas redes não foi registrado nesta semana

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
17.out.2019 | 17h28 |

Circula nas redes sociais um vídeo que mostra uma manifestação em frente à sede do Supremo Tribunal Federal (STF). Na legenda, é dito que as manifestações são da manhã do dia 15 de outubro e que veículos de comunicação não divulgaram o protesto. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da ​Lupa​:

“A GLOBO NÃO DIVULGOU, *NAO SAIU NO G1, NO O meu DIA, NA FOLHA DE SAO PAULO* (Estão tentando impedir a divulgação) ISSO FOI HJ PELA MANHA NO STF *O STF JOGOU A POLÍCIA CONTRA O POVO* Mas o povo começou a se concentrar em frente ao STF!!! Querem expulsar os ministros na marra! Uma TV apresentou esse vídeo hj pela manhã. Logo em seguida, o STF e Senado ligaram para a TV intimando sob ameaça que retirassem dos demais telejornais. Inclusive, já foi retirado do YouTube. Repasse *pro bem da NAÇÃO !!!*”
Legenda de vídeo publicado em 15 de outubro de 2019 no Facebook que, até as 16h30 de 17 de outubro de 2019, tinha sido compartilhado por cerca de 65 mil pessoas

FALSO

O vídeo analisado pela Lupa não é do dia 15 de outubro. As imagens são de 25 de setembro deste ano, e mostram um protesto em defesa da Operação Lava Jato. Na ocasião, o STF debatia a legalidade de algumas das sentenças do ex-juiz federal Sergio Moro, responsável pelo julgamento dos casos da operação em primeira instância, em Curitiba. A gravação aparece em vídeo publicado no site O Antagonista.

Nota: esta reportagem faz parte do projeto de verificação de notícias no Facebook. Dúvidas sobre o projeto? Entre em contato direto com o Facebook

Editado por: Maurício Moraes

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo