A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: Foto de refugiados europeus que circula nas redes não tem relação com a África ou com a Segunda Guerra

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
18.out.2019 | 17h02 |

Circula pelas redes sociais uma imagem em preto e branco de um navio cheio de pessoas. Segundo a legenda, a foto estaria mostrando refugiados europeus que saíram de seus países por causa da Segunda Guerra Mundial, em busca de refúgio no norte da África. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da ​Lupa​:


“Não são Sírios! São Europeus procurando refúgio na África do Norte quando ocorreu a Segunda Guerra Mundial. Então, antes de fecharem suas fronteiras, consultem seus avós! Salam…”
Legenda da imagem no Facebook que, até as 15h de 18 de outubro de 2019, tinha mais de 300 compartilhamentos

FALSO

A legenda analisada pela Lupa está incorreta. A foto não está relacionada à Segunda Guerra Mundial (1939-1945), nem mostra refugiados tentando chegar ao norte da África. Apesar de estar em preto e branco, a imagem mostra um grupo de refugiados albaneses chegando ao porto de Bari, na Itália, em agosto de 1991. O porto italiano fica a cerca de 200 quilômetros da costa da Albânia.

Segundo uma reportagem do jornal alemão Der Tagesspiegel, os 20 mil refugiados utilizaram o navio Vlora para fugir da Albânia e escapar do governo comunista que estava “entrando em colapso”. A reportagem informa ainda que o êxodo em massa falhou e os refugiados foram mandados de volta para o seu país de origem. O veículo diz ainda que a foto se encontra na Picture Alliance, agência de imagens alemã. Nessa plataforma foi possível encontrar outras imagens do mesmo evento. 

O acontecimento também foi registrado pelo fotógrafo Luca Turi, da Associated Press. O crédito da foto na agência de notícias diz se tratar de “milhares de albaneses, fugindo da fome em sua pátria empobrecida e buscando asilo na Itália”.

Essa informação foi verificada pelo Boatos.org e pela AFP. Além de plataformas de checagem, essa foto também virou tema para reportagens de outros veículos, como Hypeness.

Nota: esta reportagem faz parte do projeto de verificação de notícias no Facebook. Dúvidas sobre o projeto? Entre em contato direto com o Facebook

Editado por: Chico Marés e Maurício Moraes

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo