A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

FactCheckLab: LupaEducação anuncia aprovados para oficinas presenciais

| Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
18.fev.2020 | 17h54 |

FactCheckLab chega à fase presencial e vai proporcionar encontros entre profissionais da Agência Lupa, jornalistas americanos e 83 jornalistas e estudantes do Brasil. Eles tiveram seus projetos de iniciativas de checagem regionais aprovados pela comissão julgadora do programa e estão aptos a participar das oficinas presenciais de checagem e de produção de conteúdo, que serão ministradas em capitais das cinco regiões do país. 

Veja quem são os aprovados (em ordem alfabética):

Região Sudeste

RIO DE JANEIRO

Júlia Trindade Rodrigues – Niterói

Lucas Silva da Cruz – São João de Meriti

Maria Clara Machado da Silva – Rio de Janeiro

Priscila Motta Gonçalves – Rio de Janeiro

Tâmara Joyce Veras Carvalho – Rio de Janeiro

Thayz Guimarães Gonçalves – Rio de Janeiro

Vanessa Franquilino da Silva – Rio de Janeiro

Viviane Castanheira Ferreira da Costa – Rio de Janeiro

 

SÃO PAULO

Guilherme Aleixo Hungria – São Paulo

Letícia Ferreira Leite de Campos – São Paulo

Letícia Simionato Benavides Frigo – Jundiaí

Luis Felipe de Moura – São José dos Campos

Michelly Neris Alves – São Paulo

Vitória Gonçalves Pereira Greve – São Paulo

 

ESPÍRITO SANTO

Ezequiel Vieira Machado – Cariacica

Letícia da Silva Gonçalves – Vila Velha

Lucyano Jesus Ribeiro – Vitória

 

MINAS GERAIS

Joana Karla de Lima Gomes Suarez – Belo Horizonte

Mike Faria da Cruz – Contagem

Rodrigo Salgado Fernandes – Belo Horizonte

 

Região Nordeste

PERNAMBUCO

Alice Cristiny Ferreira de Souza – Recife 

Débora Natacha Guedes de Oliveira – Recife 

Nathália Cruz Farias – Recife 

Suellen Darlow Fernandes da Silva – Recife

 

PARAÍBA

Aline Barbosa Oliveira – Campina Grande 

Débora Fabianne da Silva Freire – João Pessoa 

Ítalo Rômany de Carvalho Andrade – João Pessoa

 

MARANHÃO

Jorge Araújo Martins Filho – São Luís

 

ALAGOAS

Lucas Silva Paiva de Amorim – Maceió

 

RIO GRANDE DO NORTE

Lizete Barbosa da Nóbrega – Natal

Marcelo Victor de Lima – Natal

 

BAHIA

Carmen Regina de Oliveira Carvalho – Vitória da Conquista

Gabriela Santos Araújo – Salvador

Joyce Melo Matos – Salvador

Karina Costa de Andrade – Vitória da Conquista

Pauliane Araujo Souza – Salvador

Talyta Louise Todescat Singer – Salvador

 

CEARÁ

Bruno Ferreira Brandão – Fortaleza

Emanuel de Macêdo Saraiva – Fortaleza

Maria Clara Chagas de Menezes – Fortaleza

 

Região Centro-Oeste

DISTRITO FEDERAL

Anna Caroline Magalhães Reis – Brasília 

Caroline Gonçalves Oliveira da Silva – Taguatinga

Gracielly Bittencourt Machado – Brasília 

Luciane de Lima Paz – Brasília 

Tatiana Barbosa Sócrates – Brasília 

Thays Rocha Martins – Recanto das Emas

 

GOIÁS

Átila Giovani Lima Freitas – Aparecida de Goiânia

Cainã Marques – Goiânia

Dhayane Marques de Santana – Goiânia

Igor Caldas de Souza – Goiânia

Luciana Paiva Martins de Queiroz – Aparecida de Goiânia

Sarah Teófilo Marcelino – Goiânia

 

MATO GROSSO

Lázaro Thor Gomes Lino Borges – Cuiabá

 

REGIÃO NORTE

PARÁ

Alice Martins Morais – Belém

Waldiney Ferreira Da Silva – Oriximiná

 

RORAIMA

Emily Monteiro Costa – Boa Vista

Timóteo Westin de Camargo César – Boa Vista

 

ACRE

Gabriel Freire da Silva – Rio Branco

 

AMAZONAS

Gabriel Veras Cabral de Souza – Manaus

Izenilda Farias Bastos – Manaus

Lucas Xavier de Andrade – Manaus

Mariah Tavares de Melo Brandt – Manaus

Sídia Maria Ambrósio de Oliveira – Manaus

Veluma Vitória Menezes Faria – Manaus

 

REGIÃO SUL

RIO GRANDE DO SUL

Cristiane dos Santos Parnaiba – Porto Alegre

Cristiano Lopes do Nascimento – Cruz Alta

Douglas dos Santos Freitas – Uruguaiana

Fernanda Freymann Dias – Porto Alegre

Gabriel Pereira Salazar – Porto Alegre

Guilherme Jancowski de Ávila – Porto Alegre

Jéssica Rebeca Weber – Porto Alegre

Juliana Borba de Souza – Porto Alegre

Julianne Maia Gazzoni – Porto Alegre

Raphaela Orlandi Suzin – Porto Alegre

Renata Rodrigues Lopes – Porto Alegre

Sofia Hillesheim Schuck – Porto Alegre

Taís Seibt – Porto Alegre

Wellington Felipe Hack – Santa Maria

William Figueiredo dos Santos – Novo Hamburgo

 

SANTA CATARINA

Caroline Macário Cardoso – Florianópolis

Hermes Elias Gregorio – Florianópolis

Maicon Renan de Paula – Itajaí

 

PARANÁ

Rafaela Mazurechen Sinderski – Curitiba

 

Listas de espera:

O Sudeste e o Nordeste tiveram o maior número de inscritos. Nestas regiões, há uma lista de espera, caso algum participante desista da vaga até dois dias antes do início do treinamento.

 

Ranking – Lista de espera REGIÃO SUDESTE

1º Leonardo Lopes do Couto – Niterói – RJ

2º Igor José Siquieri Savenhago – Pontal – SP

3º Luanna Santana Bernardes de Souza – Rio de Janeiro – RJ

4º Karine da Silva Santos – Rio de Janeiro – RJ

5º Viviane da Rosa Tavares – Rio de Janeiro – RJ

 

Ranking – Lista de espera REGIÃO NORDESTE

1º Suzana Oliveira Barbosa – Salvador – BA

2º Thamires de Cassia Campos da Silva – Olinda – PE

3º Yuri de Góes Novaes Beserra de Almeida – Salvador – BA

4º Juliana Maria de Almirante Freitas – Salvador – BA

5º Ícaro Lima da Silva – Salvador – BA

6º Tauan de Oliveira Saturnino – Recife – PE

7º Lianne Peixoto Bezerra do Ceará – Fortaleza – CE

 

O que é o FactCheckLab

O FactCheckLab é um programa gratuito de treinamento em produção de conteúdo e técnicas de fact-checking voltado para jornalistas e estudantes de jornalismo das cinco regiões do Brasil, patrocinado pela Embaixada e Consulados dos Estados Unidos no Brasil e realizado pela Agência Lupa, por meio do LupaEducação. Lançado em 14 de novembro de 2019, recebeu 472 inscrições, com propostas de iniciativas de checagem regionais. 

Na primeira fase, 116 jornalistas e estudantes foram selecionados para participar de cinco oficinas de checagem online, divididos de acordo com as regiões do país onde residem. Destes, 83 seguirão no programa, que contará com oficinas presenciais no Rio de Janeiro, em Porto Alegre, em Salvador, em Brasília e em Manaus, de 2 a 16 de abril. 

Na última fase, os candidatos que concluírem os treinamentos presenciais deverão transformar suas propostas em projetos mais robustos, sob orientação de profissionais brasileiros e americanos. No mês de junho, os autores dos cinco projetos que se destacarem – um de cada região do país – terão os nomes divulgados e contemplados com uma viagem de intercâmbio profissional aos Estados Unidos. A viagem está programada para a primeira quinzena de agosto deste ano. 

O FactCheckLab não recebeu propostas do Amapá, Rondônia, Tocantins, Sergipe, Piauí e Mato Grosso do Sul. 

Veja as datas dos treinamentos presenciais: 

Oficina presencial Região Sudeste

Data: 2 de abrilDia Internacional do Fact-Checking

Local: Rio de Janeiro – RJ

Horário: 8h às 18h30

 

Oficina presencial Região Sul

Data: 6 de abril

Local: Porto Alegre – RS

Horário: 8h às 18h30

 

Oficina presencial Região Nordeste

Data: 9 de abril

Local: Salvador – BA

Horário: 8h às 18h30

 

Oficina presencial Região Centro-oeste

Data: 13 de abril 

Local: Brasília – DF

Horário: 8h às 18h30

 

Oficina presencial Região Norte

Dia: 16 de abril

Local: Manaus – AM

Horário: 8h às 18h30

Editado por: Douglas Silveira e Natália Leal

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo