A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: É falso que mulher cheirando cocaína em foto seja ‘ativista pró-aborto do PSOL’

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
10.mar.2020 | 18h21 |

Circula pelas redes sociais a imagem de uma mulher cheirando cocaína em um celular, no meio de um grupo de pessoas. De acordo com o texto que acompanha a foto, trata-se de uma ativista pró-aborto do PSOL chamada Vitória Donda, que foi “filmada” em um protesto em defesa da educação no Rio de Janeiro. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da ​Lupa​:

“Professora filmada cheirando cocaína no protesto da educação do RJ… Vamos torná-la famosa ao máximo !!!! Esta é ‘Vitória Donda’, líder ativista do aborto no ‘PSOL’ em plena atividade psolista”

Texto em imagem de post do Facebook que, até as 15h30 de 10 de março de 2020, tinha 100 compartilhamentos

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. A mulher retratada na foto não é integrante do PSOL, nem se chama “Vitória Donda”. O partido não tem nenhuma pessoa filiada com esse nome no país, de acordo com a base de dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Além disso, essa imagem circula na internet pelo menos desde 2017 e já foi usada para ilustrar outras notícias falsas na Argentina, no México e na Espanha. 

Nos posts compartilhados na Argentina, a pessoa foi falsamente identificada como a deputada federal Victoria Donda, do partido Somos. A plataforma Chequeado analisou a publicação em pelo menos cinco ocasiões. O site mostrou que a mulher da foto não tem nenhuma semelhança física com a deputada Victoria Donda. A parlamentar é ativista dos direitos humanos e defensora da descriminalização do aborto. 

No México, o boato foi checado pelo site Animal Político e referia-se à mulher como “Vicki Donda”, que seria uma deputada do partido Morena. Não há, no entanto, nenhuma parlamentar com esse nome no país.

Já nas publicações que circularam na Europa, a foto foi associada à deputada “Ana Ronda”, do Ciudadanos, e a “Marisel Santibañez” ou “Vicki Donda”, do Podemos. Segundo as plataformas AFP Factual, Polígrafo, Maldito Bulo e Newtral, em todos os casos trata-se de uma notícia falsa. Não há parlamentares com esses nomes no Congresso espanhol. Marisela Santibáñez é uma deputada chilena, que também não se assemelha à pessoa que aparece na imagem.

A identidade da mulher permanece desconhecida. O post já havia circulado no Brasil em setembro do ano passado, mas voltou a ser compartilhado recentemente. Na época, foi analisado por Boatos.org, Estadão Verifica, Aos Fatos e AFP Checamos.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Chico Marés

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo