A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: É falso que homem desempregado ‘por conta da quarentena’ pulou de viaduto em São Paulo

Editor | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
26.mar.2020 | 13h51 |

Circula nas redes sociais que um homem, “demitido por conta da quarentena” da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, tentou suicídio em um viaduto na Marginal Tietê, em São Paulo. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa​:

“Homem se joga de viaduto em São Paulo após ser demitido por conta da quarentena do coronavirus”
Texto publicado pelo site Mídia Five que, até as 13h do dia 26 de março de 2020, tinha sido compartilhado por mais de 5 mil pessoas no Facebook

FALSO

A notícia analisada pela Lupa é falsa. No texto, é dito que, “segundo informações”, um homem de 48 anos pulou de um viaduto depois de ser demitido. Ele teria sobrevivido e estaria “em estado gravíssimo”. Contudo, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, “não foi localizado nenhum registro com as características citadas pela reportagem”. 

A imagem utilizada para ilustrar a “reportagem” foi tirada de uma reportagem do programa Cidade Alerta, da TV Record, de 9 de fevereiro de 2017. Na ocasião, um homem trocou tiros com a polícia e pulou do viaduto após ser cercado.

O site Mídia Five é reincidente na veiculação de notícias falsas, tendo publicado, entre outras coisas, que o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luís Roberto Barroso saiu em defesa do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e que o PT ingressou com uma ação para cancelar o 13º do Bolsa Família. A Lupa verificou essas duas informações.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Nathália Afonso

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo