A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: Propaganda de produto ‘para melhorar a imunidade’ supostamente endossado por Luciano Huck é falsa

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
01.abr.2020 | 21h29 |

Circula pelas redes sociais uma propaganda de um produto para melhorar a imunidade que teria sido recomendado pelo apresentador de TV Luciano Huck. Ao clicar, a pessoa é levada para uma página em que aparece a foto do artista, com a frase “Clique no botão para saber mais sobre o produto que Luciano Huck recomenda!”. O internauta é então redirecionado para um site com a propaganda de uma fórmula de emagrecimento, novamente com uma foto de Huck em destaque. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa​:

“MELHORE-SUA-IMUNIDADE (…)

Clique no botão para saber mais sobre o produto que o Luciano Huck recomenda”
Texto de link que circula no Facebook que, até as 19h de 1º de abril de 2020, tinha 693 compartilhamentos

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. A assessoria de imprensa de Luciano Huck informou, por WhatsApp, que ele não tem nenhuma relação com o produto anunciado. “Trata-se de uso indevido de sua imagem”, disse. Além disso, o link promete uma solução para melhorar a imunidade, mas na verdade direciona o internauta para uma página que vende uma fórmula de emagrecimento chamada Keto Boost. 

Uma “notícia” no site acessado pelo link traz a informação falsa de que Huck investiu R$ 1 milhão na pesquisa de “Carol Zucatelli” na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), o que permitiu a criação do produto. Não há, no entanto, nenhuma pessoa com esse nome na plataforma Lattes do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), um banco de currículos de cientistas e pesquisadores brasileiros. A foto de Zucatelli que aparece na página também é falsa. O retrato, na verdade, é da estudante universitária Sacha Aubrey Alves Rodrigues Santos, da Universidade de Fortaleza (Unifor).

A empresa responsável pela venda do Keto Boost é o Clube Saúde & Bem Estar. O site oferece uma amostra grátis, prometendo cobrança apenas de frete, mediante o fornecimento dos dados de cartão de crédito do interessado. Sem perceber, no entanto, a pessoa faz uma assinatura para a aquisição do produto e, tempos depois, recebe uma nova remessa com cobrança de R$ 159,90. No site ReclameAqui há 11.980 reclamações contra a empresa, muitas delas de pessoas que não conseguem cancelar o recebimento do produto.

Essa estratégia tem sido usada para a venda de outros produtos. A Lupa checou anteriormente outros sites que usavam indevidamente a imagem do médico Drauzio Varella para oferecer um remédio para “reverter a diabetes”, um suplemento contra dores articulares e uma fórmula para a perda de memória.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Chico Marés

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo