A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: Banco Mundial não classificou Brasil como ‘melhor país no combate ao Covid-19’

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
07.abr.2020 | 14h00 |

Circula nas redes sociais que o Banco Mundial classificou o Brasil como “melhor país” no combate à Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2). Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa​:

“Banco Mundial classifica o Brasil como melhor país no combate ao Covid-19”
Título de conteúdo publicado pelo site Conexão Política que, até às 11h do dia 7 de abril de 2020, já tinha 4,9 mil compartilhamentos no Facebook 

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. O Banco Mundial não classificou o Brasil, ou qualquer país, como o “melhor país no combate à Covid-19”. Na verdade, a instituição apenas elencou uma medida específica do governo brasileiro, e outra da União Europeia, como bons exemplos de políticas públicas no combate à doença. O Banco Mundial não fez, em momento algum, um ranking genérico sobre o combate à doença em cada país.

Na semana passada, a instituição divulgou uma nota (aqui e aqui) dizendo que é necessário manter o fluxo no comércio mesmo durante a pandemia, o que iria diminuir os impactos negativos para os mais vulneráveis. Nesse documento, a instituição cita uma resolução do Ministério da Economia como um exemplo de “melhores práticas”. Essa resolução, publicada no dia 17 de março, zerou a alíquota do Imposto de Importação de algumas mercadorias, como máscaras protetoras, álcool em gel 70% e outros materiais necessários para hospitais. 

Já a medida adotada pela União Europeia – e destacada pelo Banco Mundial – foi a aprovação, no dia 16 de março, das “Diretrizes para medidas de gerenciamento de fronteiras para proteger a saúde e garantir a disponibilidade de bens e serviços essenciais”, que buscam preservar a livre circulação de todas as mercadorias pelos países do bloco.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Chico Marés e Maurício Moraes

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo