A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: É falso que nenhum paulistano morreu por Covid-19 há dois dias

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
07.ago.2020 | 18h10 |

Circula pelas redes sociais um post com a afirmação de que durante dois dias seguidos não houve mortes por Covid-19 de pessoas que moram na cidade de São Paulo. A publicação mostra um gráfico da página 2 do Boletim Diário Covid-19 nº 133, elaborado pela prefeitura da capital paulista, como prova de que não houve óbitos nesse período. De acordo com o autor do post, os dados mostrariam que o município “estaria tecnicamente sem vírus”. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa​:

“Dois dias sem mortes na Cidade De São Paulo (…)”

Texto em post publicado no Facebook que, até as 15h30 de 7 de agosto de 2020, tinha 731 compartilhamentos

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. Pelo menos 17 pessoas morreram de Covid-19 no município de São Paulo nos dois dias anteriores à publicação do post analisado – 4 e 5 de agosto. Esse número ainda é parcial e tende a crescer conforme a prefeitura receba mais dados dos atestados de óbito registrados em cartórios. A informação consta no Boletim Diário Covid-19 nº 133 – edição mais recente da publicação.

Entre os dias 5 e 6 de agosto, foram confirmadas, no total, 111 mortes de pessoas residentes na cidade de São Paulo, segundo Boletins Diários Covid-19 nº 132 e nº 133. Destas, 17 aconteceram no dia 4. A assessoria de imprensa da Secretaria Municipal da Saúde informou, por telefone, que o gráfico extraído do documento mostra uma curva de óbitos feita a partir de atualizações semanais. Por isso, não é um indicador adequado para se saber os números mais recentes de mortes de infectados pelo novo coronavírus.

As informações mais precisas sobre isso estão na página 1 do Boletim Diário Covid-19, que traz duas tabelas. A primeira, na parte superior, tem como fontes o Sistema de Informação de Vigilância da Gripe (SIVEP-Gripe) e o e-SUS VE (voltado para registro de casos suspeitos e confirmados de novo coronavírus), dois sistemas de notificação do DataSUS. Os dados mostram que, em 5 de agosto, houve confirmação de 9.901 mortes de Covid-19 na cidade. Na edição seguinte, aparecem 10.012 óbitos. Logo, houve 111 confirmações de mortes de moradores da capital entre os dois dias.

A segunda tabela da página 1 do Boletim Diário Covid-19 traz os números do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM) da prefeitura de Sâo Paulo. Nela constam os óbitos segundo a data em que de fato ocorreram, o que é obtido a partir do envio de informações dos atestados de óbito registrados em cartório. Esse processo pode levar até duas semanas – e, em casos excepcionais, ainda mais. 

Assim, o dado com o número de mortes por data de ocorrência tende a ser muito pequeno na primeira vez que é informado no boletim. Com o passar do tempo, no entanto, a prefeitura é comunicada sobre mais atestados de óbitos que ocorreram naquele mesmo dia e atualiza o valor. A razão disso é que parte das mortes demora para ser registrada pelos órgãos oficiais e leva tempo até constar nas estatísticas.

Embora no Boletim nº 133 constem zero mortes por Covid-19 em 5 de agosto na tabela “Óbitos acumulados por datas de notificação e ocorrência”, esse número tende a crescer com o passar dos dias. O Boletim nº 132, por exemplo, mostrava apenas duas mortes ocorridas no dia anterior, 4 de agosto. Na edição atual, esse número subiu para 17.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Chico Marés

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo