A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: É falso que mortes por pneumonia e insuficiência respiratória estão sendo contabilizadas como Covid-19

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
10.ago.2020 | 21h10 |

Circula pelas redes sociais que, durante a pandemia do novo coronavírus, os óbitos por pneumonia e insuficiência respiratória foram contabilizados como mortes da Covid-19 no Portal da Transparência do Registro Civil. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

“Portal da Transparência! Óbitos por pneumonia em 2019: 97.091. Óbitos por insuficiência respiratória em 2019: 41.220. Entendeu onde está as 100 mil mortes? Renomearam pneumonia e insuficiência respiratória para Covid-19”
Legenda de imagem publicada no Facebook que, até às 19h do dia 10 de agosto de 2020, tinha sido compartilhado mais de 400 pessoas 

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. As mortes por pneumonia e insuficiência respiratória ocorridas em 2020 não foram registradas como Covid-19. Segundo o Portal da Transparência do Registro Civil, considerando somente o primeiro semestre, foram registradas 95.459 mortes por pneumonia e 50.027 por insuficiência respiratória, além de outras 63.907 mortes causadas pelo novo coronavírus. No mesmo período de 2019, foram registradas 109.949 mortes por pneumonia e 48.491 por insuficiência respiratória. Esses dados foram visualizados às 20h30 do dia 10 de agosto, e podem mudar nos próximos dias.

Durante a pandemia, a Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais (Arpen), responsável pelo portal, criou uma sessão específica para dados referentes a Covid-19 e doenças respiratórias. Esses dados não são atualizados em tempo real: segundo a Arpen, normalmente, levam até oito dias para que uma morte seja incluída no portal – mas, em casos específicos, esse período pode ser ainda mais longo. Além disso, reportagem da Folha de S.Paulo mostrou que há inconsistência nos dados enviados por alguns cartórios, inclusive para números de 2019.

Desde o início da pandemia, dados desse portal têm sido usados equivocadamente em diversas peças de desinformação, como forma de minimizar a gravidade da pandemia.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Chico Marés

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo