A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: Menina em vídeo viral não foi responsável por incêndio no Atacadão

Repórter | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
17.set.2020 | 18h51 |

Circula pelas redes sociais um post com um vídeo que mostra uma menina incendiando um supermercado. A criança risca um fósforo e ateia fogo a produtos inflamáveis que estão em uma prateleira. Depois disso, caminha pelo corredor. O fogo começa a se espalhar e algumas pessoas tentam arremessar os produtos incendiados no chão, para controlar as chamas. Mesmo assim, grandes labaredas avançam sobre as mercadorias. Segundo a legenda, o incidente teria ocorrido em uma unidade da rede Atacadão. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa​:

“Incêndio no Atacadão em Campo Grande! Como pode existir gente tão filha da puta como essa????”

Legenda de vídeo em post publicado no Facebook que, até as 15h de 17 de setembro de 2020, tinha 565 compartilhamentos

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. O vídeo em que uma menina coloca fogo em um supermercado é antigo e não foi feito no Atacadão, mas em uma unidade da rede Assai, em Niterói (RJ). A gravação ocorreu em 16 de outubro de 2018, como mostra um selo no canto superior direito das imagens. No último domingo (13), uma loja do Atacadão foi destruída pelo fogo em Campo Grande (MS). Não há nenhuma relação, portanto, deste caso com o vídeo da criança que viralizou nas redes sociais.

A assessoria de imprensa do Atacadão confirmou, em nota, que a gravação mostrando a menina não está relacionada ao incidente em Campo Grande. As chamas teriam começado no setor de limpeza, mas ainda não se sabe o que iniciou o fogo. Boa parte da loja foi destruída. O motivo do incêndio ainda está sendo investigado pela Polícia Civil, que nesta quinta-feira (17) pediu acesso às imagens das câmeras do circuito interno da unidade.

A publicação analisada pela Lupa traz outros dois vídeos, que mostram o incêndio no interior do estabelecimento por outro àngulo e também do lado de fora. Essas duas gravações são verdadeiras e foram feitas no último domingo (13). Outras versões do post trazem apenas o vídeo com a criança, com a legenda errada.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Marcela Duarte

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo