A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

#Verificamos: Stédile não disse que o MST estaria disposto a ‘incendiar o Brasil para derrubar Bolsonaro’

Repórter (especial para a Lupa) | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
21.set.2020 | 19h10 |

Circula pelas redes sociais que o economista João Pedro Stédile, fundador e membro da direção nacional do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), disse que ele e seus companheiros estariam dispostos a “incendiar o Brasil para derrubar Bolsonaro”. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

“João Pedro Stedile
Coordenação Nacional do MST
‘Eu e meus companheiros do MST, estamos dispostos a incendiar o Brasil para derrubar BOLSONARO’”

Texto em imagem publicada no Facebook que, até às 14h do dia 21 de setembro de 2020, tinha sido compartilhado 924 vezes

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. A frase atribuída ao economista João Pedro Stédile, fundador e membro da direção nacional do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), não foi encontrada em nenhuma entrevista concedida por ele recentemente na imprensa. Também não foi possível encontrar essa declaração nas redes sociais de Stédile ou do MST (Twitter, Instagram e Facebook), e nem nos conteúdos publicados no site oficial do movimento.

A imagem do post foi retirada de um vídeo publicado no canal no YouTube do Brasil de Fato, veículo de comunicação parceiro do MST. O fundo, que imita tijolos à vista e as bandeiras do Brasil e do movimento, é usado com frequência nas gravações de Stédile para o canal, como nesta peça publicada no dia 16 de março de 2018, por exemplo.

Em nota enviada por WhatsApp, a assessoria de imprensa do MST negou que um dos coordenadores nacionais do movimento tenha dito que estaria disposto a incendiar o Brasil para derrubar Bolsonaro. Também afirmou que tem recebido denúncias de pessoas e publicações que usam o mesmo fundo e acusam integrantes do movimento de provocarem incêndios criminosos.

Nota:‌ ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Chico Marés

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo