A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: É falso que começar o banho pela cabeça pode provocar infarto

Repórter (especial para a Lupa) | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
19.out.2020 | 17h47 |

Circula pelas redes sociais que começar o banho molhando a cabeça pode provocar o rompimento de vasos, artérias e consequentemente um infarto. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

Por que os infartos ocorrem com mais frequência no banheiro
As pessoas não devem começar molhando cabeça a cabeça e os cabelos durante o banho porque essa é uma sequência inversa.
Isso faz com que o corpo tente ajustar sua temperatura muito rapidamente por causa de nossa condição de sangue quente. […]
Texto publicado no Facebook que, até às 16h do dia 19 de outubro de 2020, tinha sido compartilhado por 191 pessoas.

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. De acordo com o cardiologista e professor do Departamento de Clínica Médica da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Gabriel Assis Lopes do Carmo, o texto é inconsistente. “Primeiro porque não há comprovação científica e segundo que não existe uma ordem correta para se tomar banho”, explicou o especialista, por telefone.

O cardiologista explicou que o infarto é a morte celular por falta de oxigenação e pode acontecer em qualquer parte do corpo. Os dois tipos mais comuns são o infarto no miocárdio, também conhecido como ataque cardíaco, e no cérebro, popularmente conhecido como AVC.

“O  infarto acontece por uma série de fatores de risco, tais como pressão alta, diabetes, colesterol elevado, uso de fumo e fatores genéticos”, disse. Esses fatores combinados levam a um acúmulo de gordura que forma uma placa, que por sua vez pode resultar em um rompimento, criando um trombo dentro do vaso. “Essa obstrução impede o sangue de chegar ao tecido, provocando um infarto”, declarou. A ordem na qual a pessoa toma banho não influencia nisso.

Essa não é a primeira vez que um conteúdo falso ligando água e infartos circula nas redes sociais. Conteúdo verificado pela Lupa no ano passado dizia que beber água gelada causava, entre outras coisas, infarto. Essa afirmação também não faz nenhum sentido do ponto de vista médico.

Nota: esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

 

Editado por: Chico Marés

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo