A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

Lupa expande comunicação com leitores com canal no WhatsApp

| Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
22.out.2020 | 08h00 |

A Lupa está lançando nesta quinta-feira (22) um canal no WhatsApp para verificar conteúdos e esclarecer informações falsas. Por esse canal, os usuários do aplicativo podem mandar sugestões de verificação que serão analisadas pela equipe da Lupa. Sempre que o material for checável, os jornalistas da Lupa produzirão o conteúdo e a dúvida será respondida através do perfil automatizado dentro do aplicativo. O projeto foi realizado em parceria com o WhatsApp e a desenvolvedora Meedan, uma das principais provedoras de serviços para negócios no WhatsApp.

“Essa ferramenta amplia o alcance do trabalho da Lupa, e, ao mesmo tempo, aproxima a agência do público. Ela fortalece nosso monitoramento do ambiente de informações falsas e permite ao nosso leitor mais um canal de comunicação conosco. Assim, ele tem mais acesso a informações verificadas na hora de tomar decisões que impactam a sua vida e a sociedade”, afirma Natália Leal, diretora de conteúdo da agência.

Para interagir com a Lupa no WhatsApp, basta mandar um “olá” para o número +55 21 99193-3751. Ao receber a mensagem, o perfil da Lupa envia um menu, pelo qual o leitor escolhe mandar uma sugestão ou receber as últimas verificações produzidas pela equipe. Caso queira que a Lupa verifique um conteúdo suspeito específico, basta que o usuário escolha a opção 1 e, após o “robô” confirmar o recebimento, envie sua dúvida.

Se o conteúdo já tiver sido verificado, o leitor receberá a checagem. Caso a equipe ainda não tenha checado a informação, ela será apurada e uma nova verificação será produzida sobre o assunto. As sugestões podem ser enviadas por texto, foto, vídeo, áudio ou link. Vale lembrar que a Lupa não checa opinião, humor, projeções futuras ou fatos para os quais não existam dados públicos disponíveis, de acordo com a metodologia auditada anualmente pela International Fact-Checking Network (IFCN), a rede que reúne os checadores de fatos em todo o mundo.

“O WhatsApp tem implementado diversas medidas de combate à desinformação, tanto dentro quanto fora da sua plataforma. Uma das iniciativas de destaque é a parceria com organizações de checagem de fatos no Brasil e em diversos países. A recém-firmada parceria com a Lupa para a criação de um canal no WhatsApp ampliará o acesso dos usuários a informações confiáveis dentro do aplicativo e somará esforços na luta contra notícias falsas”, reforça Dario Durigan, diretor de Políticas Públicas do WhatsApp no Facebook Brasil.

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo