A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

Manaus: Zé Ricardo distorce dados sobre saúde e publicidade em entrevistas

| Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
27.out.2020 | 12h00 |

O candidato à prefeitura de Manaus Zé Ricardo (PT) ocupa a quarta posição na pesquisa de intenção de voto divulgada pelo Ibope em 14 de outubro de 2020. Em sua campanha, tem participado de entrevistas e divulgado propostas em suas redes sociais. A Lupa analisou algumas de suas falas. A checagem faz parte do projeto Democracia Digital, no qual jornalistas de todas as capitais do Brasil verificam discursos dos quatro candidatos melhores colocados nas pesquisas de intenção de voto em 2020.

Ricardo Nicolau (PSD), David Almeida (Avante) e Amazonino Mendes (Podemos) — terceiro, segundo e primeiro em intenções de voto na mesma pesquisa— também tiveram falas analisadas, e o resultado dessas verificações será publicado nos dias 29 de outubro, 3 de novembro e 5 de novembro, respectivamente.

Confira o grau de veracidade do que disse Zé Ricardo:

“A prefeitura gastou, em publicidade, R$ 500 milhões nesses oito anos”
Zé Ricardo (PT), candidato a prefeito de Manaus, em entrevista ao Jornal do Commércio no dia 2 de outubro de 2020

FALSO

Desde 2013, primeiro ano da gestão Arthur Neto, os contratos de publicidade firmados pela Secretaria Municipal de Comunicação (Semcom) somam R$ 101,3 milhões, de acordo com as informações do Portal da Transparência da Prefeitura de Manaus. O valor representa pouco mais de um quinto do montante citado pelo candidato.

No total, são sete contratos com valores entre R$ 1,5 milhão e R$ 25 milhões, celebrados entre a Semcom e as agências Digital Comunicações Ltda, Tape Publicidade Ltda e Mene e Portella Publicidade Ltda.

Em resposta à Lupa, a assessoria do candidato informou, pelo WhatsApp, que o valor foi obtido pela soma das despesas divulgadas no Portal da Transparência e encaminhou uma reportagem com o título “Gastos com publicidade e propaganda da administração Arthur Neto já ultrapassam os R$ 500 milhões”. A reportagem, no entanto, soma todas as despesas da Secretaria Municipal de Comunicação (Semcom), como pessoal, locações, equipamentos etc, e não somente os contratos de publicidade.


“Hoje, se você olhar a quantidade de Unidades Básicas de Saúde […], nós vamos ver que metade da população não é atendida. Ela alcança 53%”
Zé Ricardo (PT), candidato a prefeito de Manaus, em entrevista ao programa Amazonas Diário exibido no dia 13 de outubro de 2020

EXAGERADO

Segundo o sistema e-Gestor, do Ministério da Saúde, a cobertura de atenção básica em Manaus alcança 64,09% da população, e não 53%. Os números são de julho de 2020, os mais recentes disponibilizados na plataforma nacional.

O ministério estima que 1.398.840 pessoas estejam cobertas pela rede de atenção básica de saúde na cidade, que tem população total estimada de 2.182.763, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Procurada, a assessoria do candidato disse, por WhatsApp que a informação constava do site da prefeitura de Manaus, mas que os dados não estão mais acessíveis devido à legislação eleitoral. A assessoria ainda justificou que o Ministério da Saúde considera que uma equipe de Saúde da Família deve atender até 4 mil pessoas. “O dado que nós temos é que a Prefeitura tem um total de 358 equipes. Ou seja, a cobertura atual em Manaus da Atenção Básica é 56,6%”. A informação permanece equivocada: Manaus conta, segundo o e-Gestor, com 275 equipes de Saúde de Família e cobertura de 43,47%.


“[…] um terço das escolas municipais são instalações alugadas.”
Zé Ricardo (PT), candidato a prefeito de Manaus, em entrevista ao programa Amazonas Diário exibido no dia 13 de outubro de 2020

VERDADEIRO

Manaus tem 496 escolas municipais, de acordo com a Secretaria Municipal de Educação (Semed). Um terço disso, como citado pelo candidato, representaria 165 escolas, número próximo das 148 escolas municipais que estão instaladas em prédios alugados, conforme a Semed.

Em 2018, a Semed informou, em nota à imprensa, que 183 escolas municipais funcionavam em prédios alugados. O número era o equivalente a 36% do total de 499 escolas na zona rural e urbana de Manaus.

Nota da redação: O projeto Democracia Digital é uma iniciativa da Lupa, do Instituto de Tecnologia & Equidade (IT&E) e do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral, com apoio do WhastApp e dos Tribunais Regionais Eleitorais de todo o Brasil. As checagens produzidas são distribuídas gratuitamente a rádios universitárias do país, com apoio do Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP).

Editado por: Marcela Duarte e Natália Leal

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo