A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

#Verificamos: Papa Francisco não disse que a morte de Jesus foi ‘fracasso de Deus’

Repórter (especial para a Lupa) | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
29.out.2020 | 16h44 |

Circula pelas redes sociais que o Papa Francisco teria dito que a morte de Jesus foi “o fracasso de Deus”. Por meio do ​projeto de verificação de notícias​, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

 “PAPA FRANCISCO DIZ QUE A MORTE DE JESUS NA CRUZ FOI O FRACASSO DE DEUS”

Texto em imagem publicada no Facebook que, até as 14h40 do dia 29 de outubro de 2020, tinha sido compartilhado 381 vezes

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. A afirmação atribuída ao Papa Francisco é, na verdade, uma interpretação equivocada de um discurso feito pelo pontífice em setembro de 2015, durante passagem pela cidade de Nova York, nos Estados Unidos. Na homilia proferida na Catedral de São Patrício, o papa fez reflexões sobre o sacrifício e as formas de se medir o sucesso. Ele usou o termo “fracasso da cruz” como metáfora para o que seria um fracasso material, mas não espiritual, já que Jesus Cristo ressuscitou três dias depois de crucificado.

Na mensagem original, disponível na íntegra no site oficial do Vaticano, o papa diz: “o verdadeiro valor do nosso apostolado é medido pelo valor que o mesmo tem aos olhos de Deus. (…) A cruz mostra-nos uma maneira diferente de medir o sucesso: a nós cabe-nos semear, e Deus vê os frutos do nosso trabalho. E se, às vezes, os nossos esforços e o nosso trabalho parecem gorar-se e não dar fruto, estamos a trilhar a mesma via de Jesus Cristo; a sua vida, humanamente falando, acabou com um fracasso: com o fracasso da cruz.”

Já em 2015, versões distorcidas da fala do papa circularam pela internet e foram desmentidas inclusive por sites católicos, como O Catequista e o iCatolica.  

Esse conteúdo também foi verificado pelo Boatos.org.

Nota: ‌esta‌ ‌reportagem‌ ‌faz‌ ‌parte‌ ‌do‌ ‌‌projeto‌ ‌de‌ ‌verificação‌ ‌de‌ ‌notícias‌‌ ‌no‌ ‌Facebook.‌ ‌Dúvidas‌ sobre‌ ‌o‌ ‌projeto?‌ ‌Entre‌ ‌em‌ ‌contato‌ ‌direto‌ ‌com‌ ‌o‌ ‌‌Facebook‌.

Editado por: Chico Marés

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo