A PRIMEIRA AGÊNCIA DE FACT-CHECKING DO BRASIL

Tem certeza que deseja sair da sua conta?

Natal: Álvaro Dias exagera sobre isolamento social durante pandemia

| Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
04.nov.2020 | 10h00 |

O candidato à reeleição para a prefeitura de Natal Álvaro Dias (PSDB) ocupa a primeira posição na pesquisa de intenção de voto do Ibope para a InterTV Cabugi divulgada no dia 6 de outubro. O candidato é prefeito de Natal desde 2018, quando o Carlos Eduardo deixou o paço para disputar o governo do estado. Dias tem participado de entrevistas e divulgado suas ações e propostas nas redes sociais. A Lupa analisou algumas de suas falas. A checagem faz parte do projeto Democracia Digital, no qual jornalistas de todas as capitais do Brasil verificam discursos dos quatro candidatos melhores colocados nas pesquisas de intenção de voto em 2020.

Kelps Lima (Solidariedade), Hermano Morais (PSB) e Carlos Alberto (PV) ― segundo, terceiro e quarto em intenções de voto na mesma pesquisa, respectivamente ― já tiveram falas checadas e publicadas em 2 de novembro, 28 e 26 de outubro.

Confira o grau de veracidade do que disse Álvaro Dias:

“Foi um isolamento social total para proteger a população, proteger as pessoas”
Álvaro Dias (PSDB), candidato à reeleição como prefeito de Natal, em entrevista ao Bom Dia Cidade em 8 de outubro de 2020

EXAGERADO

A maior taxa de isolamento social em Natal, de acordo com dados do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, foi em 22 de março de 2020, de 61,69%. Os números de isolamento da capital potiguar nunca alcançaram os 70%, taxa indicada pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Procurado, o candidato afirmou, por meio de sua assessoria, que houve isolamento social, ainda que não tenha sido total.


“Montamos o hospital de campanha […] em 60 dias”
Álvaro Dias (PSDB), candidato à reeleição como prefeito de Natal, em entrevista ao Bom Dia Cidade em 8 de outubro de 2020

VERDADEIRO, MAS

O hospital de campanha foi inaugurado dia 4 de maio, mas com dez dos cem leitos disponíveis, segundo o secretário de Saúde de Natal, George Antunes. A entrega do hospital também foi feita após decisão judicial e foi marcada por rescisões de contrato com a empresa que inicialmente prestaria o serviço na unidade.


“Não houve aumento do IPTU. O que houve aqui em Natal é que a lei determina que a cobrança do IPTU deve ser feita em cima do valor venal do imóvel”
Álvaro Dias (PSDB), candidato à reeleição como prefeito de Natal, em entrevista ao Bom Dia Cidade em 8 de outubro de 2020

VERDADEIRO

De acordo com o artigo 23 da Lei n. 3882/89, que instaura o Código Tributário do Município de Natal, a base de cálculo do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) é o valor venal do imóvel. Portanto, se o valor venal do imóvel sobe, o imposto também sobe. A Planta Genérica de Valores de Terrenos e a Tabela de Preços de Construção, sofreu reajuste de 4,28% em 2019 e, assim, o valor pago pelos munícipes aumentou.


“Inauguramos dois CMEIs, Centros Municipais de Educação Infantil”
Álvaro Dias (PSDB), candidato à reeleição como prefeito de Natal, em entrevista ao Bom Dia Cidade em 8 de outubro de 2020

VERDADEIRO, MAS

A inauguração a que o prefeito se refere é em relação aos prédios próprios dos CMEIs Professor Antônio Gurgel e Terezinha de Jesus, ambos localizados no bairro Potengi, zona Norte de Natal. Os centros já existiam, mas funcionavam em prédios alugados. A inauguração, portanto, não se refere a novos centros.

A ampliação do número de CMEIs era uma das promessas de campanha da chapa vencedora (Carlos Eduardo e Álvaro Dias) na campanha de 2016 (página 36). No entanto, de 2016 até 2019, última atualização, o número de Centros Municipais de Educação Infantil é de 74. O candidato informou, por meio de sua assessoria, que agora, com a inauguração dos prédios próprios, houve aumento de 360 para 904 no número de vagas das unidades.

Nota da redação: O projeto Democracia Digital é uma iniciativa da Lupa, do Instituto de Tecnologia & Equidade (IT&E) e do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral, com apoio do WhatsApp e dos Tribunais Regionais Eleitorais de todo o Brasil. As checagens produzidas são distribuídas gratuitamente a rádios universitárias do país, com apoio do Instituto Brasileiro de Ensino, Desenvolvimento e Pesquisa (IDP).

Editado por: Marcela Duarte

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo