Tem certeza que deseja sair da sua conta?
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

#Verificamos: É falso que Boulos ‘prometeu deixar o país’ após derrota nas eleições

Repórter (especial para a Lupa) | Rio de Janeiro | lupa@lupa.news
30.nov.2020 | 17h24 |

Circula nas redes sociais que Guilherme Boulos (PSOL) prometeu “deixar o país” após perder a eleição para o cargo de prefeito de São Paulo. De acordo com o texto, o psolista teria afirmado que “não aguenta mais” e que “não pensa em eleições por muito tempo”. Por meio do projeto de verificação de notícias, usuários do Facebook solicitaram que esse material fosse analisado. Confira a seguir o trabalho de verificação da Lupa:

“Após derrota por Bruno Covas Boulos promete deixar o país ‘Não aguento mais’”
Texto que circula no Facebook que, que, até as 17h do dia 30 de novembro, tinha sido compartilhado por 56 pessoas

FALSO

A informação analisada pela Lupa é falsa. Essa frase não aparece em nenhuma entrevista, rede social ou discurso recente feito por Guilherme Boulos. Por WhatsApp, a assessoria de comunicação do psolista confirma que ele não irá deixar o país. “O Gabinete do Ódio volta a fabricar fake news para atingir Guilherme Boulos. A informação, evidentemente, não procede”, informou. 

De acordo com a assessoria, também não é verdade que ele “não pensa em eleições por muito tempo”, ou que irá “passar férias fora do Brasil”, conforme sustentam versões desta mesma peça de desinformação.

Boulos ficou em segundo lugar nas eleições para a prefeitura de São Paulo, com 40,62% dos votos, atrás do atual prefeito Bruno Covas (PSDB), que se reelegeu com 59,38% dos votos válidos.

Esta informação também foi verificada por Aos Fatos.

Nota: esta reportagem faz parte do projeto de verificação de notícias no Facebook. Dúvidas sobre o projeto? Entre em contato direto com o Facebook.

Editado por: Maurício Moraes

O conteúdo produzido pela Lupa é de inteira responsabilidade da agência e não pode ser publicado, transmitido, reescrito ou redistribuído sem autorização prévia.

A Agência Lupa é membro verificado da International Fact-checking Network (IFCN). Cumpre os cinco princípios éticos estabelecidos pela rede de checadores e passa por auditorias independentes todos os anos

A Lupa está infringindo esse código? Clique aqui e fale com a IFCN

 

Esse conteúdo foi útil?

1 2 3 4 5

Você concorda com o resultado desta checagem?

Sim Não

Leia também

SIGNATORY- International Fact-Checking Network
Etiquetas
VERDADEIRO
A informação está comprovadamente correta
VERDADEIRO, MAS
A informação está correta, mas o leitor merece mais explicações
AINDA É CEDO PARA DIZER
A informação pode vir a ser verdadeira. Ainda não é
EXAGERADO
A informação está no caminho correto, mas houve exagero
CONTRADITÓRIO
A informação contradiz outra difundida antes pela mesma fonte
SUBESTIMADO
Os dados são mais graves do que a informação
INSUSTENTÁVEL
Não há dados públicos que comprovem a informação
FALSO
A informação está comprovadamente incorreta
DE OLHO
Etiqueta de monitoramento
Seções
Arquivo